Religiosidade pseudo-científica

Área destinada à discussão sobre Ceticismo e a Incredulidade Humana

Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Sobre religiosos que entram no meio científico apenas pra achar conteúdo pra encaixar em suas crenças, usando Evidência suprimida (Cherry picking).
Mas mesmo esses que entram no meio científico, muitas vezes costumam cometer esses erros:

- Método científico X Método criacionista

Imagem

- Método científico X "Método" religioso

Imagem


Parece que vez ou outra há casos que se encaixem nesse problema:

- Ciência e religião

https://www.infoescola.com/filosofia/ciencia-e-religiao




• Exemplo

Aqui segue um vídeo com cortes com as falas de:


- Daniel Sottomaior (ATEA)

- Leandro Karnal

Ateu que tenta dar uma de conciliador ou muitas vezes demagogo (com religiosos e céticos), tentando evitar atritos. Por isso mesmo muitas vezes tomar posição como cético que ele diz ser. Ele já até fez vídeo, beirando a homenagem ao culto a Maria como elemento de formação do Brasil ou algo assim.

- Rodrigo Silva

Arqueólogo religioso infiltrado no meio científico que usa informações científicas (ou teorias, não estabelecidas na comunidade científica, de algum suposto especialista, que não sei se faz parte desses cientistas religiosos) que corroborem crença dele.


---- Alguns Eventos do vídeo:

- Rodrigo Silva diz que não havia registro de nenhuma sociedade primitiva humana que fisse atéia (ele desconhecia o caso dos Pirarrãs, apesar de ter certo animismo, mas apenas baseado no que se poderia sentir e ver).

- Rodrigo Silva tenta rebater a evolução usando fatos como crianças criadas por lobos que teriam perdido a capacidade de falar após passar anos sem desenvolver uso da fala.



youtu.be/jv_EYMev46o

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 5363
Registrado em: Ter, 11 Fevereiro 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Imagem
Imagem
Imagem

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Vídeo com entrevista com Rodrigo Silva, usando pérolas falaciosas do tipo peraidolia, ajuste fino, apelo (a emoção, comoção, eloquência, etc). Mas aviso a entrevista tem umas 3h:45 minutos.
Algumas poucas dessas pérolas:


- "Universo demonstra planejamento (...) Causa primeira (...)"
(Falácia do ajuste fino, pareidolia, etc)

- "Nada veio do nada"
( Ele deve ignorar que partículas podem surgir do vácuo quântico (nada não existe).

- Rodrigo Silva "Que argumentos humanos poderiam ser usados pra que nazismo fosse visto como hediondo? (...) Ateu faz o bem baseado em quê?"
(Ele deve desconhecer empatia como instinto ou deve achar que só tendo crença religiosa pra ter isso)

- Ele falou que concordava com Teoria da Evolução eme relação amutações de microorganismo, mas que mesmo o Corona (citando um exmplo) não deixa de ser Corona quando sofre mutação.
(Ele cometeu um erro quando disse que Teoria da Evolução trataria sobre Origem da vida mas trata sobre Origem das espécies não de biogênese; Sobre um ser se tornar outro, ele deve achar que transformação é do dia pra noite e disse que muitos "elos perdidos" foram forjados)

- "Quando vc joga bíblia na cadeia vc tem um monte ex-bandido em que pode confiar sua casa com cofre aberto." ?
(Ele não deve saber de casos de traficantes evangélicos e presidiários fingindo por comportamento pra diminuir duração da pena)

- "Jesus passou 40 dias e noites sem comer e beber"
(Só falta provar que ele existiu e que fez tal proeza sem morrer de inanição, sede)

- "Testemunho não se explica." (se referindo a "experiência" pessoal como evidência sobre o que ele acredita)

- "Física quântica pegou Física de Einstei e jogou na lata de lixo"
(??!! A física quãntica jogou no lixo ou aperfeiçou ou complementou, retirando o que tava equivocado ou duvidoso na Física "einsteniana"?)



youtu.be/OxgzVEPr7dE

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Agnoscetico escreveu:
- "Nada veio do nada"
( Ele deve ignorar que partículas podem surgir do vácuo quântico (nada não existe).
Penso que embora não tenha a ver diretamente com o tópico, e menos ainda com o vídeo, mas a expressão "Nada veio do Nada", na citação do filósofo Parmenides "nihil ex nihillo", conduz a mente e o pensamento, com tamanha força intuitiva, que desafia a teoria do vácuo quântico.

Os filósofos antigos, nos seus próprios termos, já cogitavam de uma realidade contínua e permanente, no espaço/tempo.

Considerando o fato de que o Universo não é uma realidade conceitual mas empírica, haverá um choque nas proporções e grandezas envolvidas quando avaliamos a teoria do espaço quântico.

Re: Religiosidade pseudo-científica

fenrir
Mensagens: 760
Registrado em: Qui, 19 Março 2020 - 21:59 pm

Mensagem por fenrir »

Da Wikipedia (https://en.wikipedia.org/wiki/Quantum_vacuum_state):
In quantum field theory, the quantum vacuum state (also called the quantum vacuum or vacuum state) is the quantum state with the lowest possible energy. Generally, it contains no physical particles. Zero-point field is sometimes used as a synonym for the vacuum state of an individual quantized field.
Acho que não se pode dizer que o vácuo quântico seja nada
Porque ainda há o " the quantum state with the lowest possible energy" ali

Fora que não se encontra vacuo nem no espaço intergalácico mais vazio que se pensar possa.
Nem mesmo num desses chamados vazio cosmológicos, no maior e mais vazio deles.
https://en.wikipedia.org/wiki/Void_(astronomy)

Re: Religiosidade pseudo-científica

Gigaview
Mensagens: 3013
Registrado em: Seg, 02 Março 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

fenrir escreveu:
Seg, 21 Junho 2021 - 13:46 pm
Da Wikipedia (https://en.wikipedia.org/wiki/Quantum_vacuum_state):
In quantum field theory, the quantum vacuum state (also called the quantum vacuum or vacuum state) is the quantum state with the lowest possible energy. Generally, it contains no physical particles. Zero-point field is sometimes used as a synonym for the vacuum state of an individual quantized field.
Acho que não se pode dizer que o vácuo quântico seja nada
Porque ainda há o " the quantum state with the lowest possible energy" ali

Fora que não se encontra vacuo nem no espaço intergalácico mais vazio que se pensar possa.
Nem mesmo num desses chamados vazio cosmológicos, no maior e mais vazio deles.
https://en.wikipedia.org/wiki/Void_(astronomy)
Acho que o vácuo quântico também é regido pelo Princípio da Incerteza. Um espaço vazio deve ter uma probabilidade para estar vazio numa determinada região do espaço num determinado tempo. Acho que é apenas o registro do colapso da função de onda de tudo ao redor.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

JungF escreveu:
Seg, 21 Junho 2021 - 11:32 am
Penso que embora não tenha a ver diretamente com o tópico, e menos ainda com o vídeo, mas a expressão "Nada veio do Nada", na citação do filósofo Parmenides "nihil ex nihillo", conduz a mente e o pensamento, com tamanha força intuitiva, que desafia a teoria do vácuo quântico.

Os filósofos antigos, nos seus próprios termos, já cogitavam de uma realidade contínua e permanente, no espaço/tempo.

Considerando o fato de que o Universo não é uma realidade conceitual mas empírica, haverá um choque nas proporções e grandezas envolvidas quando avaliamos a teoria do espaço quântico.
Não sei se entendi bem tudo que postou, mas filósofos antigos eram muito mais especuladores, não tendo estrutura praa pesquisa científica mais apurada pra apenas com mente intuitiva desafiar vácuo quântico, eles muito provavelmente nem cogitavam existir' vácuo quântico.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Agnoscetico escreveu:
JungF escreveu: Penso que embora não tenha a ver diretamente com o tópico, e menos ainda com o vídeo, mas a expressão "Nada veio do Nada", na citação do filósofo Parmenides "nihil ex nihillo", conduz a mente e o pensamento, com tamanha força intuitiva, que desafia a teoria do vácuo quântico.

Os filósofos antigos, nos seus próprios termos, já cogitavam de uma realidade contínua e permanente, no espaço/tempo.

Considerando o fato de que o Universo não é uma realidade conceitual mas empírica, haverá um choque nas proporções e grandezas envolvidas quando avaliamos a teoria do espaço quântico.

Não sei se entendi bem tudo que postou, mas filósofos antigos eram muito mais especuladores, não tendo estrutura praa pesquisa científica mais apurada pra apenas com mente intuitiva desafiar vácuo quântico, eles muito provavelmente nem cogitavam existir' vácuo quântico.
Certamente que nem imaginavam tal coisa.
O que eu quis dizer é que "o nada não produz nada" é muito racional.
Admitindo que antes do Big bang não havia o vácuo, digamos, o vazio absoluto, deveria então existir o vácuo quântico com a possibilidade de este vir a ser a origem de toda a matéria.
O que acha?

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Gorducho
Mensagens: 584
Registrado em: Sex, 20 Março 2020 - 08:55 am

Mensagem por Gorducho »

Sr. JungF escreveu:
Ter, 22 Junho 2021 - 19:38 pm
deveria então existir o vácuo quântico com a possibilidade de este vir a ser a origem de toda a matéria.
O que acha?
"Vácuos" seja
  1. "clássico": sem "partículas", T = 0;
  2. "quântico";
são fenômenos no espaço (x, y, z, t).
Segundo a atual concepção antes do Big Bang não existia espaço, portanto não existia vácuo.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Gorducho escreveu:
Sr. JungF escreveu: deveria então existir o vácuo quântico com a possibilidade de este vir a ser a origem de toda a matéria.
O que acha?
"Vácuos" seja
  1. "clássico": sem "partículas", T = 0;
  2. "quântico";
são fenômenos no espaço (x, y, z, t).
Segundo a atual concepção antes do Big Bang não existia espaço, portanto não existia vácuo.
Você disse bem, na atual concepção... Já promovi extenso debate sobre esta questão do t=0, e=0 (na singularidade, Big bang), tanto aqui como no RV.
Afirmar que o tempo e o espaço só existiriam após o Big bang sempre foi consensual e exime nossa ciência de conjecturas complexas no campo da Cosmologia.
Todavia, quanto mais se fortalece a tese dos Multiversos menos provável será a constatação de Tempo e Espaço nulos, visto que terão existido infinitos big bangs na infinitude do tempo e do espaço, ou, todos eles teriam ocorridos simultaneamente num espaço maior.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Gorducho escreveu:
Para o colega Sr. Gorducho, estudioso da tese espírita, o váculo quântico seria a legítima expressão do Fluido Cosmico... ou seja, o vácuo absoluto não existe, concorda?

Re: Religiosidade pseudo-científica

Gigaview
Mensagens: 3013
Registrado em: Seg, 02 Março 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

JungF escreveu:
Qui, 24 Junho 2021 - 11:26 am
Gorducho escreveu:
Para o colega Sr. Gorducho, estudioso da tese espírita, o váculo quântico seria a legítima expressão do Fluido Cosmico... ou seja, o vácuo absoluto não existe, concorda?
Esse tipo de conversa quântica sempre acaba em bullshit espiritóide. Imaginam o que não entendem para dar sentido ao que acreditam. E fazem isso para fugir do ônus da prova da existência dos espíritos, algo que deveria ser básico e mais simples, visto que "eles" supostamente se manifestam por aí, do que qualquer outra coisa quanticamente complicada.

E seguem se autoenganando numa viagem na maionese que parece interminável.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 5363
Registrado em: Ter, 11 Fevereiro 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

JungF escreveu:
Qui, 24 Junho 2021 - 11:26 am
Para o colega Sr. Gorducho, estudioso da tese espírita, o váculo quântico seria a legítima expressão do Fluido Cosmico... ou seja, o vácuo absoluto não existe, concorda?
A afirmação acima está perfeitamente conforme o tema do tópico.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Gorducho
Mensagens: 584
Registrado em: Sex, 20 Março 2020 - 08:55 am

Mensagem por Gorducho »

Sr. JungF escreveu:
Qui, 24 Junho 2021 - 11:21 am
Você disse bem, na atual concepção...
É o que temos...
e exime nossa ciência de conjecturas complexas no campo da Cosmologia.
Conjecturas são conjecturas... há que validá-las mediante observações empíricas.
Todavia, quanto mais se fortalece a tese dos Multiversos menos provável será a constatação de Tempo e Espaço nulos, visto que terão existido infinitos big bangs na infinitude do tempo e do espaço, ou, todos eles teriam ocorridos simultaneamente num espaço maior.
Vale o acima. Caso haja
  1. evidências empíricas e consequente modelo;
  2. ou vice-versa: modelo com consequências empiricamente observáveis;
é assim que Ciência funciona.
Para o colega Sr. Gorducho, estudioso da tese espírita, o váculo quântico seria a legítima expressão do Fluido Cosmico... ou seja, o vácuo absoluto não existe, concorda?
Veja o caso do Efeito Casimir: a interpreação aceita é que as superfícies espelhadas das placas eliminam dali do vácuo entre elas os fótons virtuais cujos λs > espaço entre elas; certo :?:
Então VQ partículas nem ele (VQ) "produz" elas. Elas ocorrem nele, o que não é o mesmo.
Pelo que entendo cada "partícula" será quantum de respectivo campo. VÁRIOS campos, 1 correspondente a cada "partícula". Campos cujos quantuns podem ser fermions ou bosons...
VQ seria quando os campos (diversos) existentes naquele volume tão no nível energético respectivo 0, mas, claro, sujeitos à incerteza.
Já o FCU seria UM ÚNICO campo.
E finalmente, sim: eu como eng. acompanho o que diz a Física mainstream. Então pelo sabido hoje, vácuo absoluto aparentemente não existe :-BD

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Gigaview escreveu:
JungF escreveu:
Gorducho escreveu:
Para o colega Sr. Gorducho, estudioso da tese espírita, o váculo quântico seria a legítima expressão do Fluido Cosmico... ou seja, o vácuo absoluto não existe, concorda?
Esse tipo de conversa quântica sempre acaba em bullshit espiritóide. Imaginam o que não entendem para dar sentido ao que acreditam. E fazem isso para fugir do ônus da prova da existência dos espíritos, algo que deveria ser básico e mais simples, visto que "eles" supostamente se manifestam por aí, do que qualquer outra coisa quanticamente complicada.

E seguem se autoenganando numa viagem na maionese que parece interminável.
Meu caro, já disse antes... a quem interessa provar a existência de espíritos, vida após a morte, reencarnação?
Aos espíritas?
Não!
Estes estão convencidos e propalam a quem interessar possa.

Veja meu ponto de vista: se algo se mostra importante para minha vida vou testar, procurar conhecer, comprovar.
Nesta busca verificarei que existem informações contrárias e favoráveis e que a propensão para este ou aquele lado é pessoal pois dependerá do crédito que tais informações mereçam.
Não é uma questão que envolve lógica e razão, simplesmente.

Mas negar a priori será, no pior dos casos, por conflito de interesses; ou então por ociosidade ou má vontade.
Faça um favor a si mesmo: pense seriamente nisto.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Gorducho escreveu:
Sr. JungF escreveu: Você disse bem, na atual concepção...
É o que temos...
e exime nossa ciência de conjecturas complexas no campo da Cosmologia.
Conjecturas são conjecturas... há que validá-las mediante observações empíricas.
Todavia, quanto mais se fortalece a tese dos Multiversos menos provável será a constatação de Tempo e Espaço nulos, visto que terão existido infinitos big bangs na infinitude do tempo e do espaço, ou, todos eles teriam ocorridos simultaneamente num espaço maior.
Vale o acima. Caso haja
  1. evidências empíricas e consequente modelo;
  2. ou vice-versa: modelo com consequências empiricamente observáveis;
é assim que Ciência funciona.
Para o colega Sr. Gorducho, estudioso da tese espírita, o vácuo quântico seria a legítima expressão do Fluido Cosmico... ou seja, o vácuo absoluto não existe, concorda?
Veja o caso do Efeito Casimir: a interpreação aceita é que as superfícies espelhadas das placas eliminam dali do vácuo entre elas os fótons virtuais cujos λs > espaço entre elas; certo :?:
Então VQ partículas nem ele (VQ) "produz" elas. Elas ocorrem nele, o que não é o mesmo.
Pelo que entendo cada "partícula" será quantum de respectivo campo. VÁRIOS campos, 1 correspondente a cada "partícula". Campos cujos quantuns podem ser fermions ou bosons...
VQ seria quando os campos (diversos) existentes naquele volume tão no nível energético respectivo 0, mas, claro, sujeitos à incerteza.
Já o FCU seria UM ÚNICO campo.
E finalmente, sim: eu como eng. acompanho o que diz a Física mainstream. Então pelo sabido hoje, vácuo absoluto aparentemente não existe :-BD
Entendi. Meu forte nunca foi a física das partículas.
Não sou tão jovem mais, e não tenho o tempo que gostaria, por isso sou um tanto prático na busca do conhecimento. Esse campo da ciência é mais teórico que experimental.
Veja o Efeito Casimir; em tudo lembra as experiências com capacitores exceto pela distância entre as placas (para fotons virtuais) e daí em diante as explicações tornam-se teóricas, pois baseadas em outras teorias. É uma limitação minha, reconheço, e agradeço pela paciência.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Gorducho
Mensagens: 584
Registrado em: Sex, 20 Março 2020 - 08:55 am

Mensagem por Gorducho »

Sr. JungF escreveu:
Sex, 25 Junho 2021 - 11:28 am
Meu forte nunca foi a física das partículas.
Off_topic:
Nem o meu evidentemente :mrgreen:
Como procurei deixar claro tou falando ATÉ ONDE CONSIGO CAPTAR num nível, say, semelhante ao que na Escola chamavam se bem me lembro "Física Moderna".
Seria a "Física IV" sendo que
  • I era a parte de mecânica;
  • II era eletrodinâmica;
  • III era ondas + termodinâmica.
Livro texto era o Halliday & Resnick.
E essa que seria a "IV" chamavam "Moderna" se bem me lembro. :think:
O livro texto não me lembro mais qual era.
Não sou tão jovem mais, e não tenho o tempo que gostaria, por isso sou um tanto prático na busca do conhecimento. Esse campo da ciência é mais teórico que experimental.
Veja o Efeito Casimir; em tudo lembra as experiências com capacitores exceto pela distância entre as placas (para fotons virtuais) e daí em diante as explicações tornam-se teóricas, pois baseadas em outras teorias. É uma limitação minha, reconheço, e agradeço pela paciência.
O importante é ter em mente que conceitos técnicos, seja nas Ciências seja na nossa profissão, são bem precisos. Então tem que ter extremo cuidado ao tentar fazer analogias com, say, o Espiritismo.

Re: Religiosidade pseudo-científica

fenrir
Mensagens: 760
Registrado em: Qui, 19 Março 2020 - 21:59 pm

Mensagem por fenrir »

A proposito do título do tópico, não me ocorre no momento nenhuma religião onde não se possa encontrar nenhum exemplo de crença pseudo-científica.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Gigaview
Mensagens: 3013
Registrado em: Seg, 02 Março 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

JungF escreveu:
Sex, 25 Junho 2021 - 11:12 am
Gigaview escreveu:
JungF escreveu:
Gorducho escreveu:
Para o colega Sr. Gorducho, estudioso da tese espírita, o váculo quântico seria a legítima expressão do Fluido Cosmico... ou seja, o vácuo absoluto não existe, concorda?
Esse tipo de conversa quântica sempre acaba em bullshit espiritóide. Imaginam o que não entendem para dar sentido ao que acreditam. E fazem isso para fugir do ônus da prova da existência dos espíritos, algo que deveria ser básico e mais simples, visto que "eles" supostamente se manifestam por aí, do que qualquer outra coisa quanticamente complicada.

E seguem se autoenganando numa viagem na maionese que parece interminável.
Meu caro, já disse antes... a quem interessa provar a existência de espíritos, vida após a morte, reencarnação?
Aos espíritas?
Não!
Estes estão convencidos e propalam a quem interessar possa.
Então você está no lugar errado. Deveria procurar um fórum espírita.
Veja meu ponto de vista: se algo se mostra importante para minha vida vou testar, procurar conhecer, comprovar.
Nesta busca verificarei que existem informações contrárias e favoráveis e que a propensão para este ou aquele lado é pessoal pois dependerá do crédito que tais informações mereçam.
Então é evidente que você não tem testado, procurado ou comprovado de forma correta. Já apresentamos informações contrárias, refutações claras e evidenciamos o ridículo que envolve o assunto e a sua ficha ainda não caiu apesar de toda a lógica e razão do argumento dos céticos.
Não é uma questão que envolve lógica e razão, simplesmente.
Certamente que não. É uma questão de fanatismo que a psicologia explica muito bem.
Mas negar a priori será, no pior dos casos, por conflito de interesses; ou então por ociosidade ou má vontade.
Ninguém está negando a priori. Apenas questionamos crenças baseadas em afirmações que carecem de provas. Não estamos questionando ou desmerecendo a religião de ninguém, apenas denunciamos e refutamos as afirmações pseudocientíficas que algumas religiões fazem e dentre elas está o espiritismo que é uma das religiões que se diz apoiada (sem fundamento algum) na Ciência.
Faça um favor a si mesmo: pense seriamente nisto.
Você também. :-C
Editado pela última vez por Gigaview em Sex, 25 Junho 2021 - 17:45 pm, em um total de 1 vez.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

fenrir escreveu:
Sex, 25 Junho 2021 - 13:15 pm
A proposito do título do tópico, não me ocorre no momento nenhuma religião onde não se possa encontrar nenhum exemplo de crença pseudo-científica.
Tem religião que se baseia puramente no misticismo.
Essa coisa de usar pseudociência (distorções e verniz de ciências em conteúdos não-científicas) é mais moderno, mas, ainda assim, tem os que são resistentes a
O nome do tópico se refere mais a "religiosidade" não necessariamente "religião" (ou religiões em si) relacionado com pseudociência.
Em linhas gerais, a religião é o seguimento pelo qual o indivíduo tem sua crença em Deus (ou deuses) e na fé divina. Já a religiosidade trata da relação que o indivíduo possui com esta crença.
(...)

ÁXIONS E O REGISTRO DO 1⁰ SEGUNDO DO UNIVERSO
Spoiler:
a axiom São por enquanto partículas
hipotéticas encontrar estas partículas
pode significar descobrir pela primeira
vez o que aconteceu no universo um
segundo depois do Big Bang é o que
sugere um novo estudo publicado hoje 7
de junho até agora o mais distante que
podemos observar na história do universo
vem dos dados colhidos da radiação
cósmica de fundo a cmb aquele chuvisco o
captado pelas TVs antigas quando ficava
um fora do ar que nos permite voltar
quase 14 bilhões de anos quando o
universo esfriou o suficiente para que
prótons e elétrons
e se combinassem informassem hidrogênio
neutro mas os fótons do cmb foram
liberados 400 mil anos após o Big Bang O
que é um obstáculo para aprender sobre a
história do universo antes desta época
agora um trio de pesquisadores teóricos
sugerem a possibilidade de procurar algo
parecido com a radiação cósmica de fundo
feita por axxons apelidada de Cosmic
axiom background ou campo embora
hipotético Há muitas razões para
suspeitar que o axioma possa existir em
nosso universo por um lado o Saxon são
uma previsão genérica da teoria das
cordas uma das melhores esperanças para
uma teoria da gravidade quântica
e recentemente Watson se tornou um
candidato promissor para a matéria
escura e como consequência os
pesquisadores estão rapidamente
procurando por matéria escura de axxons
em seu artigo os pesquisadores apontam
que a medida que os experimentar listas
desenvolvem instrumentos mais sensíveis
para pesquisar a matéria escura eles
podem tropeçar em outro sinal de axxons
na forma do que mas como a radiação de
axxons compartilha propriedades com os
táxons da matéria escura ao risco de Os
experimentos tratarem o sinal do quebre
como ruído encontrar a radiação cósmica
de aqui sons em um desses instrumentos
seria uma descoberta dupla não apenas
confie
e a existência do aktion mas
pesquisadores de todo mundo teriam
imediatamente um novo fóssil do universo
primitivo a evolução do universo pode
produzir axxons com uma distribuição de
energia característica ao detectar a
densidade de energia do universo
atualmente o composto por aqui sons
experimentos poderiam nos dar respostas
para alguns dos mais importantes
quebra-cabeças em cosmologia como pão
quente nosso universo ficou Qual é a
natureza da matéria escura nosso
universo passou por um período de rápida
expansão conhecido como inflação e já
houve uma transição de fase cósmica o
novo estudo fornece motivos para
estarmos entusiasmados
o programa de matéria escura do aktion e
mesmo que a matéria escura não seja
feita de axxons esses instrumentos podem
fornecer uma imagem do universo quando
ele tinha menos de um segundo de idade
Este estudo foi aceito como uma sugestão
dos editores na revista Physical review

youtu.be/-ae9G1gq3fg


COMENTÁRIO
Como que as tvs antigas capitavam sinais da radiação cosmica de fundo?

Como provar o Big bang - usando a televisão!

https://pintofscience.com.br/blog/como- ... -televisao

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 5363
Registrado em: Ter, 11 Fevereiro 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

JungF escreveu:
Sex, 25 Junho 2021 - 11:12 am
Faça um favor a si mesmo: pense seriamente nisto.
Não muito diferente do que os crentelhos me dizem:
"Dê uma chance para Jesus"

Como se fosse possível alguém passar a acreditar naquilo em que não acredita - ainda que seja para efeito de teste.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Gorducho escreveu:
Sr. JungF escreveu: Meu forte nunca foi a física das partículas.
Off_topic:
Nem o meu evidentemente :mrgreen:
Como procurei deixar claro tou falando ATÉ ONDE CONSIGO CAPTAR num nível, say, semelhante ao que na Escola chamavam se bem me lembro "Física Moderna".
Seria a "Física IV" sendo que
  • I era a parte de mecânica;
  • II era eletrodinâmica;
  • III era ondas + termodinâmica.
Livro texto era o Halliday & Resnick.
E essa que seria a "IV" chamavam "Moderna" se bem me lembro. :think:
O livro texto não me lembro mais qual era.
Não sou tão jovem mais, e não tenho o tempo que gostaria, por isso sou um tanto prático na busca do conhecimento. Esse campo da ciência é mais teórico que experimental.
Veja o Efeito Casimir; em tudo lembra as experiências com capacitores exceto pela distância entre as placas (para fotons virtuais) e daí em diante as explicações tornam-se teóricas, pois baseadas em outras teorias. É uma limitação minha, reconheço, e agradeço pela paciência.
O importante é ter em mente que conceitos técnicos, seja nas Ciências seja na nossa profissão, são bem precisos. Então tem que ter extremo cuidado ao tentar fazer analogias com, say, o Espiritismo.
Condordo em gênero, número e grau.
Mas não deixa de ser empolgante o conceito do Fluido Cósmico,(questão 27 Livro dos Espíritos) pois que abraça a teoria da energia e da matéria escura, além daquela do Vácuo Quântico. :clap:

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Gigaview escreveu: Então você está no lugar errado. Deveria procurar um fórum espírita.
Verdade: mas, já reparou que se não fosse por minha presença, tópicos dessa natureza se esvaziariam rapidamente?
E que nossos foristas, como você, não teriam tanto o quê pensar sobre o tema?
Já procurou saber quantos visitantes chegam ao fórum pesquisando sobre alguma matéria típica deste tema?
Vou parar por aqui, mas acho que vc deveria agradecer pela minha presença. kkkkkkkk

Re: Religiosidade pseudo-científica

Gigaview
Mensagens: 3013
Registrado em: Seg, 02 Março 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

JungF escreveu:
Sáb, 26 Junho 2021 - 11:15 am
Gigaview escreveu: Então você está no lugar errado. Deveria procurar um fórum espírita.
Verdade: mas, já reparou que se não fosse por minha presença, tópicos dessa natureza se esvaziariam rapidamente?
E que nossos foristas, como você, não teriam tanto o quê pensar sobre o tema?
Já procurou saber quantos visitantes chegam ao fórum pesquisando sobre alguma matéria típica deste tema?
Vou parar por aqui, mas acho que vc deveria agradecer pela minha presença. kkkkkkkk
Obrigado pela sua presença. Você sempre nos oferece a oportunidade de refutar ou esclarecer bullshits espiritóides.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Gorducho
Mensagens: 584
Registrado em: Sex, 20 Março 2020 - 08:55 am

Mensagem por Gorducho »

Sr. JungF escreveu:
Sáb, 26 Junho 2021 - 10:55 am
pois que abraça a teoria da energia e da matéria escura
Matéria e Energia Escura: não são o Fluido Universal

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Gorducho escreveu:
Sr. JungF escreveu: pois que abraça a teoria da energia e da matéria escura
Matéria e Energia Escura: não são o Fluido Universal
Contrariamente ao seu costume, você foi muito assertivo. Why do you say that?
Lembremos que a matéria a que vc fez referência é de 2003 e contém hipóteses não muito razoáveis. As partículas da matéria escura são massivas... e por que não são detectáveis? Por que não supor que a matéria escura seja um campo radiante, ou seja, um campo de energia produzindo os efeitos sugeridos pela teoria?
Quero dizer, estamos ainda no campo das suposições, certo?

Re: Religiosidade pseudo-científica

Gigaview
Mensagens: 3013
Registrado em: Seg, 02 Março 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

JungF escreveu:
Ter, 29 Junho 2021 - 22:45 pm
Gorducho escreveu:
Sr. JungF escreveu: pois que abraça a teoria da energia e da matéria escura
Matéria e Energia Escura: não são o Fluido Universal
Contrariamente ao seu costume, você foi muito assertivo. Why do you say that?
Lembremos que a matéria a que vc fez referência é de 2003 e contém hipóteses não muito razoáveis. As partículas da matéria escura são massivas... e por que não são detectáveis? Por que não supor que a matéria escura seja um campo radiante, ou seja, um campo de energia produzindo os efeitos sugeridos pela teoria?
Quero dizer, estamos ainda no campo das suposições, certo?
No campo das suposições sem evidências a matéria escura pode ser qualquer coisa.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Gorducho
Mensagens: 584
Registrado em: Sex, 20 Março 2020 - 08:55 am

Mensagem por Gorducho »

Sr. JungF escreveu:
Ter, 29 Junho 2021 - 22:45 pm
... e por que não são detectáveis? Por que não supor que a matéria escura seja um campo radiante
Porque não foram detectadas radiações teoricamente atribuíveis e tal "campo", QUE EU SAIBA :think:
um campo de energia produzindo os efeitos sugeridos pela teoria?
Pra pauta, que é se tal seria o FCU, continuaria valendo a #29:
EDITADO ÀS 10:49
LE #29. escreveu:[...] A matéria etérea e sutil que constitui esse fluido vos é imponderável.[...]
Sendo que justo a característica da suposta ME é so to say "muita" ponderabilidade :!:
Editado pela última vez por Gorducho em Qua, 30 Junho 2021 - 10:49 am, em um total de 3 vezes.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 5363
Registrado em: Ter, 11 Fevereiro 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Sr. JungF escreveu:
Ter, 29 Junho 2021 - 22:45 pm
A matéria etérea e sutil que constitui esse fluido vos é imponderável.
Por que os espíritas insistem nessa linguagem empolada?
Fica mais convincente?

Re: Religiosidade pseudo-científica

Gigaview
Mensagens: 3013
Registrado em: Seg, 02 Março 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Fernando Silva escreveu:
Qua, 30 Junho 2021 - 09:39 am
Sr. JungF escreveu:
Ter, 29 Junho 2021 - 22:45 pm
A matéria etérea e sutil que constitui esse fluido vos é imponderável.
Por que os espíritas insistem nessa linguagem empolada?
Fica mais convincente?
:lol: É para imitar esses "médiuns" que manifestam "espíritos" chatos e visivelmente esclerosados.
Editado pela última vez por Gigaview em Qua, 30 Junho 2021 - 14:32 pm, em um total de 1 vez.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Gorducho
Mensagens: 584
Registrado em: Sex, 20 Março 2020 - 08:55 am

Mensagem por Gorducho »

Sr. Fernando Silva escreveu:
Qua, 30 Junho 2021 - 09:39 am
Por que os espíritas insistem nessa linguagem empolada?
Não ficou claro acima então vou EDITAR, ok :?:
Não é citação do colega JungF, é da questão #29 do LE que fundamenta a interpretação.
EDITEI ACIMA
Off_topic:
Aliás entendo que a frase não é empolada, sendo compatível com a linguagem padrão elegante da época.
La matière éthérée et subtile qui forme ce fluide est impondérable pour vous

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Fernando Silva escreveu:
Qua, 30 Junho 2021 - 09:39 am
Sr. JungF escreveu:
Ter, 29 Junho 2021 - 22:45 pm
A matéria etérea e sutil que constitui esse fluido vos é imponderável.
Por que os espíritas insistem nessa linguagem empolada?
Fica mais convincente?

Assim como na política, no misticismo, falar escrever palavras mais sofisticadas da um tom de mais sábio.
Tá cheio disso nas publicações de entidades como Nova Acrópole, por exemplo, que usa a ciência quando convém, mas vez ou outra atacam o ceticismo como sendo sinônimo de vazio existencial e materialismo, mas, mesmo assim, pessoas como Pirulla e Marcelo Gleiser conversam com pessoas abertas pra diálogos com místicos mas passar impressão que baixam a guarda e fazem vista grossa a falácias de ajuste fino, viés confirmatório, falácia de interpretação e hermenêutica (do tipo "não se pode interpretar o mito literalmente, é simbologia" - se é simbologia e então não existiria de fato ou não da forma mística literal que foi apresentada) de místicos, em vez de se posicionarem de forma cética como se deveria.



LIVE: Ciência e Fé conflitam ou não? (com Pirula!)


youtu.be/5ysjQzk48p8


LÚCIA HELENA GALVÃO | Papo Astral com Marcelo Gleiser


youtu.be/1j1VB-yiWZI


Marcelo Gleiser entrevista Lúcia Helena no "Papo Astral" - Maio 2021


youtu.be/7HlgiTP0V8Y

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Arqueólogo (ou "arqueólogo") Rodrigo Silva usando malabarismo pra encaixar o conhecimento que ele tem ou achar ter sobre geologia, arqueologia, evolução, etc, naquilo em que ele crê.

Se o Geotecton ou alguém que entende de geologia pudesse conferir, pois ele falou sobre questão da Terra Nova e Terra Antiga.

Falou também sobre Elo perdido, que ele critica pra querer refutar Evolução.

Falou muita coisa nem tem como eu pontuar e postar cada detalhe, quem tiver paciência pra ver 4:20 de gravação.



RODRIGO SILVA - Flow Podcast #404


youtu.be/ZinRvgd5Bkc

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 5363
Registrado em: Ter, 11 Fevereiro 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Agnoscetico escreveu:
Qui, 01 Julho 2021 - 15:35 pm
Se o Geotecton ou alguém que entende de geologia pudesse conferir, pois ele falou sobre questão da Terra Nova e Terra Antiga.
Terra Nova, creio eu, é quando se leva a sério o cálculo baseado na Bíblia que diz que a Terra foi criada há apenas alguns milhares de anos e se baseia nas gerações descritas desde Adão e Eva: "Fulano que gerou a Fulano que gerou a Fulano etc.", atribuindo a eles um tempo médio de vida.

Terra Antiga é quando se acredita que Deus criou a Terra num passado remoto.
Agnoscetico escreveu:
Qui, 01 Julho 2021 - 15:35 pm
Falou também sobre Elo perdido, que ele critica pra querer refutar Evolução.
Entre cada dois fósseis que encontramos, há milhões de outros que desapareceram sem deixar vestígios. Ou seja, milhões de "elos perdidos".

A cada fóssil que encontramos, uma lacuna se divide em duas: antes e depois dele.

Fósseis são a exceção, não a regra. A maioria dos seres vivos se decompõe sem deixar vestígios.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Eu sempre parto do pressuposto de que existe honestidade e sinceridade no diálogo Ciência x Fé.
Assim, quando um cético afirma que o crente tem a necessidade de crer e busca argumentos que justifiquem sua crença, valida o argumento oposto, o cético tem a necessidade de não crer e busca argumentos que justifiquem sua descrença.
Reforço o pressuposto acima: sinceridade e honestidade argumentativa de ambas as partes.

Obviamente existem argumentos e interesses escusos de um lado e de outro.

Religiosos, não totalmente convencidos de sua crença, são criaturas hipócritas, prevaricadoras e facilmente identificados, exceto pela viseira de seus seguidores.
É uma realidade (milionária) que indispõe grande parte da sociedade esclarecida, contra as religiões.

Acredito que as superstições aliadas a certos fatos inexplicáveis, e o medo da misteriosa vastidão do além-vida, são elementos psicológicos que acompanham a evolução humana desde seus primórdios, inclinando muitas almas boas e até inteligentes à uma crença religiosa sincera.

Quanto a céticos e ateus, são os que identificam as superstições pela falta de suporte racional, não tentam explicar o inexplicável e apenas vacilam, maios ou menos, quanto ao destino incerto do pós-vida.
Têm grande amor próprio, entendem a crença como um tumor a ser erradicado, e exibem com orgulho a bandeira do ceticismo. Claro que em tudo existem as exceções.
Mas somente isto não justificaria o ardor missionário que empregam no combate às crenças religiosas.
Assim como os religiosos, fundam também sociedades, apologismo digital, e arrecadam fundos para fins próprios.

Se concordamos que as crenças se justificam desde um passado histórico de superstições, medos, fatores psicológicos e muito wishful thinking, em que se fundamentaria o ceticismo/ateísmo, que igualmente persiste por longa historicidade?

Logicamente não estaremos confrontando as duas posições, mas tentando encontrar as causa mais profundas de uma e outra.
Alguém ajuda?

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
JungF
Mensagens: 571
Registrado em: Sáb, 07 Março 2020 - 19:58 pm

Mensagem por JungF »

Gorducho escreveu:
um campo de energia produzindo os efeitos sugeridos pela teoria?
Pra pauta, que é se tal seria o FCU, continuaria valendo a #29:
LE #29. escreveu:[...] A matéria etérea e sutil que constitui esse fluido vos é imponderável.[...]
Sendo que justo a característica da suposta ME é so to say "muita" ponderabilidade :!:
Caro Sr. Gorducho, pensando nas várias constantes da física que tomam o vácuo como parâmetro, tipo a velocidade da luz, havemos de considerar que na hipótese do vácuo quântico aqueles parâmetros da física sofreriam alterações, deixariam de ser constantes pois o vácuo estaria sendo modificado a cada momento pelas emissões das partículas quânticas.
What u say?

Re: Religiosidade pseudo-científica

fenrir
Mensagens: 760
Registrado em: Qui, 19 Março 2020 - 21:59 pm

Mensagem por fenrir »

Estudos científicos são erigidos de forma rigorosa** sobre um conhecimento acumulado, testado, re-testado e tri-testado por outros cientistas ao longo de um longo intervalo de tempo.
Estudos esses que passaram pelo crivo do melhores juizes: dos pares e do tempo.
Erros são descartados, teorias e leis revistas e refinadase o progresso é evidente, bem visível (colhemos frutos dele a todo momento).
** usam linguagens apripriadas para descrever os fenômenos que estudam como a matemática e a lógica

Religiosos ouvem vozes em suas mentes (de deus(es), espíritos?) ou tem ideias e põem-se a escever ou a pregar.
Não submetem essas idéias a prova. Não as corrigem nem quando estão escandalosamente erradas.
Não usam de rigor algum. As poucas vezes que aplicam lógica é para tentar derivar consequências de pressupostos não provados e aceitos e tidos a priori como dogmas.
Ou para ajustar na marra fatos a suas crenças pre-estabelecidas e refratárias a toda correção, refino e progresso.
Exigem observância e aceitação dessa mesmas idéias, muitas vezes usando de volência para as impor.
Como consequência, não há espaço para dissensão, mesmo que seja pequena. Quando esta ocorre, outra religião se forma derivando da original.

Não há diálogo possível entre esses dois mundos. Um é antítese do outro.
Religião é anti-ciência: é tudo que a ciência não é e tudo o que ela abomina.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Gorducho
Mensagens: 584
Registrado em: Sex, 20 Março 2020 - 08:55 am

Mensagem por Gorducho »

Sr. JungF escreveu:
Dom, 04 Julho 2021 - 13:40 pm
pensando nas várias constantes da física que tomam o vácuo como parâmetro
Quiçá possa explicitar...
tipo a velocidade da luz, havemos de considerar que na hipótese do vácuo quântico aqueles parâmetros da física sofreriam alterações, deixariam de ser constantes pois o vácuo estaria sendo modificado a cada momento pelas emissões das partículas quânticas.
What u say?
Penso que entra na precisão das medições definidoras.
c = 299792458 m/s
[m] = "distância" percorrida por 1 feixe (ou 1 quiçá) de fótons durante Δt = 1/299792458 s num ambiente de melhor vácuo experimentalmente possível.
[s] depende do espectro do Cs-133...

Então penso que depende da precisão possível e aí fazem os acordos internacionais definindo.
Editado pela última vez por Gorducho em Dom, 04 Julho 2021 - 19:24 pm, em um total de 1 vez.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Gigaview
Mensagens: 3013
Registrado em: Seg, 02 Março 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

JungF escreveu:
Dom, 04 Julho 2021 - 13:27 pm
Eu sempre parto do pressuposto de que existe honestidade e sinceridade no diálogo Ciência x Fé.
Assim, quando um cético afirma que o crente tem a necessidade de crer e busca argumentos que justifiquem sua crença, valida o argumento oposto, o cético tem a necessidade de não crer e busca argumentos que justifiquem sua descrença.
Reforço o pressuposto acima: sinceridade e honestidade argumentativa de ambas as partes.
(1) Você ainda não compreendeu o que é o ceticismo científico.

(2) Ciência e fé não se misturam, são coisas distintas que pertecem a mundos diferentes.

(3) Não existe "necessidade cética de não crer". Existem atitudes de dúvida, questionamento e curiosidade. O crente já acha que possui as respostas (ou pelo menos a maioria delas) enquanto que o cético acha que é sempre possível fazer mais perguntas.

(4) Os céticos não buscam argumentos para justificar descrenças. Os céticos buscam argumentos para refutar as afirmações infundadas dos crentes.
Quanto a céticos e ateus, são os que identificam as superstições pela falta de suporte racional, não tentam explicar o inexplicável e apenas vacilam, maios ou menos, quanto ao destino incerto do pós-vida.
Os céticos e ateus não tentam explicar o inexplicável com "achismos" nem assimilam explicações de outros sem embasamento científico.

Têm grande amor próprio, entendem a crença como um tumor a ser erradicado, e exibem com orgulho a bandeira do ceticismo. Claro que em tudo existem as exceções.Mas somente isto não justificaria o ardor missionário que empregam no combate às crenças religiosas.
As crenças e religiões são ítens importantes na antropologia cultural, negar essa importância com ardor missionário de combate é ilógico e não faz sentido porque fere o princípio da liberdade de pensamento. O ceticismo científico não é contrário às religiões e crenças, mas ele combate o uso da pseudociência que elas eventualmente empregam.
Assim como os religiosos, fundam também sociedades, apologismo digital, e arrecadam fundos para fins próprios.
De fato acontece, porém numa escala diferente do realizado pelos religiosos.

Se concordamos que as crenças se justificam desde um passado histórico de superstições, medos, fatores psicológicos e muito wishful thinking, em que se fundamentaria o ceticismo/ateísmo, que igualmente persiste por longa historicidade?
O ceticismo sempre está presente no exercício da dúvida e do questionamento. Portanto religiões e crenças sempre conviveram com algum grau de ceticismo ao longo da história porque todo crente é cético em relação às religiões e crenças dos outros.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Mais 'pérolas' de religiosos alegando coisas com bases duvidosas e pseudocientíficas:

Sarah Sheeva, filha de Baby do Brasil, causa polêmica ao alegar que o útero da mulher absorve o material genético de todos os parceiros

https://www.msn.com/pt-br/entreteniment ... m#comments

Mais tarde, se puder, eu destaco umas pérolas de comentários...

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 5363
Registrado em: Ter, 11 Fevereiro 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Agnoscetico escreveu:
Sáb, 15 Junho 2024 - 00:33 am
Mais 'pérolas' de religiosos alegando coisas com bases duvidosas e pseudocientíficas:

Sarah Sheeva, filha de Baby do Brasil, causa polêmica ao alegar que o útero da mulher absorve o material genético de todos os parceiros

https://www.msn.com/pt-br/entreteniment ... m#comments

Mais tarde, se puder, eu destaco umas pérolas de comentários...
Mais uma desmiolada tentando justificar absurdos da "Briba" com outro absurdo.

Re: Religiosidade pseudo-científica

fenrir
Mensagens: 760
Registrado em: Qui, 19 Março 2020 - 21:59 pm

Mensagem por fenrir »

Desconheço qualquer religiao que nao contenha noções pseudo-cientificas.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

E agora a bola da vez é um suposto achado arqueológico em que anjos teriam exterminado milhares de soldados de Senaqueribe. E antes mesmo de eu ver os comentários, já imaginava que muitos religiosos já tomaram a notícia como fato comprovado de que anjos e o deus bíblico existem e que a bíblia taria certa.

E pela notícia abaixo ser publicada pela UOL, alguns desse mesmo pessoal religioso disse algo tipo "Quem diria, UOL esquerdista dando uma notícias dessa". E a UOL com esse título abaixo só sreviu pra dar combustível pra reliigioso, podia ter posto "Cientista acha local de onde SUPOSTA guerra bíblica em que SUPÓSTAMENTE anjos teriam combatido milhares de soldados em Jerusalém; vídeo"


Cientista acha local de guerra bíblica entre anjo e milhares de soldados em Jerusalém; vídeo
Seguindo pistas que encontrou em registros históricos, como mapas antigos e um desenho esculpido em uma parede de pedra, o arqueólogo Stephen Compton diz ter encontrado o local onde, segundo uma passagem bíblica, um anjo enviado por Deus confrontou e assassinou 185.000 soldados há 2.700 anos.

youtu.be/pEbJoI75bYM

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 5363
Registrado em: Ter, 11 Fevereiro 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Agnoscetico escreveu:
Qui, 11 Julho 2024 - 20:50 pm
E agora a bola da vez é um suposto achado arqueológico em que anjos teriam exterminado milhares de soldados de Senaqueribe. E antes mesmo de eu ver os comentários, já imaginava que muitos religiosos já tomaram a notícia como fato comprovado de que anjos e o deus bíblico existem e que a bíblia taria certa.
Tudo o que eles encontraram foram vestígios do acampamento de Senaqueribe durante o cerco a Jerusalém.
Sim, é um fato histórico e há outros relatos fora da Bíblia. O que não foi comprovado - e jamais será, eu acho - é que os anjos mataram 185 mil soldados assírios (o que só aparece na Bíblia). Podem ter morrido alguns, sim, mas devido a água insalubre, peste ou algo do gênero.

Imagem
Prisma de Senaqueribe, com o relato do cerco a Jerusalém e outras guerras em que ele participou.

Apenas uma manchete apelativa para atrair clicks dos crentelhos (que verão nela prova de que a "Briba" está certa mesmo sem ler o artigo com atenção).

Sem falar em que:
- É improvável que existissem exércitos tão grandes (185 mil foram só os que morreram) naquela época. Mesmo hoje, seria complicado ter uma linha de suprimentos num lugar desértico.
- Apesar de perderem 185 mil soldados. o cerco continuou e os assírios só foram embora depois que o rei Ezequias, rei de Judá, pagou um resgate em ouro, prata, comida, escravos etc.
Tiveram que arrancar até o ouro das portas do Templo. E isto está na Bíblia. Ou seja, os anjos fizeram um serviço porco, que não evitou o vexame dos israelitas.
- Senaqueribe só morreu uns 30 anos depois, ou seja, sem nada a ver com supostos anjos.

Re: Religiosidade pseudo-científica

O organoléptico
Mensagens: 934
Registrado em: Seg, 22 Novembro 2021 - 19:31 pm

Mensagem por O organoléptico »

A Bíblia é um livro que em muito usa de simbolismos. E ainda há o zeitgeist daqueles tempos. Há muita contaminação de leituras usando a a atual compreensão ignorando antigas compreensões e cosmovisões do mundo. Anjos por exemplo, se mesmo agora no presente há variados entendimentos sobre o que seriam, imagina essa compreensão em outros tempos. O que eram os anjos nos tempos bìblicos? O anjo da anunciação, o espírito da verdade, o demônio do deserto no jejum de Jesus...

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

O organoléptico escreveu:
Sex, 12 Julho 2024 - 12:20 pm
A Bíblia é um livro que em muito usa de simbolismos. E ainda há o zeitgeist daqueles tempos. Há muita contaminação de leituras usando a a atual compreensão ignorando antigas compreensões e cosmovisões do mundo. Anjos por exemplo, se mesmo agora no presente há variados entendimentos sobre o que seriam, imagina essa compreensão em outros tempos. O que eram os anjos nos tempos bìblicos? O anjo da anunciação, o espírito da verdade, o demônio do deserto no jejum de Jesus...
Ou seja: A bíblia seria um livro de simbolismos, principalmente a existência do sobrenatural (mundo espiritual, anjos, deus, etc). E se é simbolismo não pode ter existência literal. Deuses seriam conceitos sobre eventos da natureza e conceitos (moral, ética, etc).

Re: Religiosidade pseudo-científica

O organoléptico
Mensagens: 934
Registrado em: Seg, 22 Novembro 2021 - 19:31 pm

Mensagem por O organoléptico »

Agnoscetico escreveu:
Sex, 12 Julho 2024 - 13:54 pm
O organoléptico escreveu:
Sex, 12 Julho 2024 - 12:20 pm
A Bíblia é um livro que em muito usa de simbolismos. E ainda há o zeitgeist daqueles tempos. Há muita contaminação de leituras usando a a atual compreensão ignorando antigas compreensões e cosmovisões do mundo. Anjos por exemplo, se mesmo agora no presente há variados entendimentos sobre o que seriam, imagina essa compreensão em outros tempos. O que eram os anjos nos tempos bìblicos? O anjo da anunciação, o espírito da verdade, o demônio do deserto no jejum de Jesus...
Ou seja: A bíblia seria um livro de simbolismos, principalmente a existência do sobrenatural (mundo espiritual, anjos, deus, etc). E se é simbolismo não pode ter existência literal. Deuses seriam conceitos sobre eventos da natureza e conceitos (moral, ética, etc).
A generalização é por sua conta.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 5363
Registrado em: Ter, 11 Fevereiro 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

O organoléptico escreveu:
Sex, 12 Julho 2024 - 15:09 pm
Agnoscetico escreveu:
Sex, 12 Julho 2024 - 13:54 pm
O organoléptico escreveu:
Sex, 12 Julho 2024 - 12:20 pm
A Bíblia é um livro que em muito usa de simbolismos. E ainda há o zeitgeist daqueles tempos. Há muita contaminação de leituras usando a a atual compreensão ignorando antigas compreensões e cosmovisões do mundo. Anjos por exemplo, se mesmo agora no presente há variados entendimentos sobre o que seriam, imagina essa compreensão em outros tempos. O que eram os anjos nos tempos bìblicos? O anjo da anunciação, o espírito da verdade, o demônio do deserto no jejum de Jesus...
Ou seja: A bíblia seria um livro de simbolismos, principalmente a existência do sobrenatural (mundo espiritual, anjos, deus, etc). E se é simbolismo não pode ter existência literal. Deuses seriam conceitos sobre eventos da natureza e conceitos (moral, ética, etc).
A generalização é por sua conta.
Ou vale o escrito ou estamos liberados para imaginar qualquer coisa que quisermos.

Re: Religiosidade pseudo-científica

O organoléptico
Mensagens: 934
Registrado em: Seg, 22 Novembro 2021 - 19:31 pm

Mensagem por O organoléptico »

Há vários livros na Bíblia e em um período longo de tempo, desde os Mais literais, como Eclesiastes e Ester aos mais simbologistas como Jó e Apocalipse passando por diversos níveis de simbolismo.

Re: Religiosidade pseudo-científica

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 4854
Registrado em: Sáb, 21 Março 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

O organoléptico escreveu:
Sáb, 13 Julho 2024 - 12:24 pm
Há vários livros na Bíblia e em um período longo de tempo, desde os Mais literais, como Eclesiastes e Ester aos mais simbologistas como Jó e Apocalipse passando por diversos níveis de simbolismo.
E como interpretar corretamente os vários níveis de simbolismo desse complicado (mas que paga de simples e popular) chamado bíblia? Se puder explicar alinhado ao tema desse tópico - mas com ciência e não pseudo-ciência.
Responder