XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Músicas preferidas, poemas e obras de arte

XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

HFC escreveu:Abro este tópico para noticiar, conversar, comentar sobre eventos, curiosidades, notícias diferentes do XADREZ.
Aos colegas Forumeiros de Portugal e Europa, fica a nota que está sendo disputado o Aberto de Portugal em Lisboa desde 25/01/2020 e vai até 01/02/2020 - com partidas de 1:30 duração com incremento de 30 segundos por lance.

https://www.portugalopen.fpx.pt/

Imagem

São 2220 jogadores de 33 países.

Imagem


Cinzu escreveu:Excelente assunto. Sempre tive fascínio pela nobre arte do enxadrismo, embora nunca tenha tido disciplina suficiente para dedicar-me e aprofundar-me no jogo.

Portanto, sem adentrar-me nas avançadas estratégias, gostaria de trazer as mais árduas questões que durante séculos travam embates devastadores muito além do tabuleiro entre as maiores mentes enxadristas.

(1) Rainha ou Dama?
(2) Cavalo de frente ou de lado?
(3) Anunciar xeque?
(4) e4 ou d4?
(5) Capivara é aquele que não sabe responder as questões acima ou aquele que não demonstra habilidade nas partidas?

*Pergunta bônus:
Quem foi o melhor?
HFC escreveu:Cinzu escreveu:
Excelente assunto. Sempre tive fascínio pela nobre arte do enxadrismo, embora nunca tenha tido disciplina suficiente para dedicar-me e aprofundar-me no jogo.
(1) Rainha ou Dama?
Dama - ...


(2) Cavalo de frente ou de lado?
Tanto faz. Tem tanta relevância quanto a direção do vinco da mitra do Bispo.

(3) Anunciar xeque?
Não se anuncia. É uma regra de cortesia do século XIX.

(4) e4 ou d4?
e4. Contudo é melhor consultar os especialistas. (vide resposta bônus)


(5) Capivara é aquele que não sabe responder as questões acima ou aquele que não demonstra habilidade nas partidas?
Capivara é este que responde. Capivara é o termo dado para o jogador sem talento.
Mas ser capivara pode ser algo mais surpreende do que você imagina.
Este ano o GM Luis Paulo Supi na semi-final do brasileiro deste ano estava com um cavalo e um peão a mais que que também GM Alexandr Fier e, de forma impressionante, perdeu todas as peças e peões...
https://chess24.com/en/watch/live-tourn ... 2019/3/1/7

(Resposta bônus)
Eu achava que era o Kasparov. Grande parte dos enxadristas gosta de achar que foi Fischer.
A resposta que hoje parece ser certa é o próximo progama de IA - Leela ChessZero ...
Que venha a Skynet ...
Zero escreveu:Um canal que gosto de acompanhar bastante é o Xadrez Brasil.
HFC escreveu:Praticamente diariamente há análises de partidas.

É um canal legal. Eu estava vendo só dois canais de xadrez com frequência, por coincidência de dois imigrantes ... O canal do Agdamator é bem interessante.

A propósito, quem ganhou o Aberto de Portugal foi Karem Grigoryan, um jogador armênio (7 pontos em 8 - só dois empates). Uma vez Kasparov, sempre Kasparov...
NadaSei escreveu:Algum cético aqui é fã do Mequinho?
Já foi um grande gênio do xadrez (e ainda é muito bom), mas sempre me pareceu não só um crente lunático como também um ser humano desprezível. Meu irmão que é mestre FIDE sempre me conta umas historias bizarras dele.

Aqui tem um vídeo interessante sobre ele e que é bem benevolente ao descrever a biografia dele.

https://www.youtube.com/watch?v=ZGczbKdU5sw

Uma das curiosidades que ele menciona no vídeo é uma musica do Raul Seixas que cita alguns nomes nacionais de destaque e isso inclui o Mequinho:

https://www.youtube.com/watch?v=Tpb2WWEiUtQ

"Quem que no Brasil não reconhece o grande trunfo do xadrez
Saí pela tangente disfarçando uma possível estupidez
Corri para um cantinho pra dali sacar o lance de mansinho
(Adivinha quem era? Mequinho!)" - Super-herois de Raul Seixas.
Zero escreveu:Não me considero fã dele, apesar de reconhecer a grandiosidade como jogador de xadrez.

Assisti algumas análises de partidas dele, até que gostei, mas nunca me deu muito ânimo para acompanhar as partidas dele.

Não que queira dizer que as partidas são chatas, nada perto disso, só é gosto pessoal.

HFC escreveu:
É um canal legal. Eu estava vendo só dois canais de xadrez com frequência, por coincidência de dois imigrantes ... O canal do Agdamator é bem interessante.

A propósito, quem ganhou o Aberto de Portugal foi Karem Grigoryan, um jogador armênio (7 pontos em 8 - só dois empates). Uma vez Kasparov, sempre Kasparov...
Exato, excelentíssimo jogador de xadrez, é um dos que mais gosto de assistir as partidas.

Mas não posso deixar de mencionar o Vassily Ivanchuk!

Outro grandioso jogador de xadrez, um pouco "louco", mas genial.

O pesadelo de Kasparov | Ivanchuk x Kasparov (1994)

youtu.be/6gyq9GZITuQ

HFC escreveu:NadaSei escreveu:
Algum cético aqui é fã do Mequinho?
Já foi um grande gênio do xadrez (e ainda é muito bom), mas sempre me pareceu não só um crente lunático como também um ser humano desprezível.
Já joguei contra ele. Conheci ele pessoalmente por um amigo comum que foi campeão sualmericano juvenil de xadrez, mas tinha tido contato com o Mecking em jogos abertos quando eu estava ainda estava jogando. O detalhe curioso é que o Mequinho fez uma apresentação de simultânea contra 20 jigadores num shopping de São José do Rio Preto, minha cidade natal em 2000. O capivara aqui teve a sorte de ser um dos 3 que empatou com ele (+17,=3, - 0). Depois da simultânea ele fez um discurso para o shopping inteiro dizendo que Jesus voltaria até o fim daquele ano Laughing ... É um jogador excepcional. Mas a doença e a religião causaram problemas a ele (a religião acabou dando força psicológica para ele se recuperar).

Por que de sua opinião dele ser uma pessoa desprezível ? Fiquei curioso...
HFC escreveu:Ivanchuck é FOD#! Parece que ele tem um problema de esquizofrenia ... Mais isso só faz ele ser ainda mais FOD#!
Com todo respeito!
NadaSei escreveu:
HFC escreveu:
NadaSei escreveu:
Algum cético aqui é fã do Mequinho?
Já foi um grande gênio do xadrez (e ainda é muito bom), mas sempre me pareceu não só um crente lunático como também um ser humano desprezível.
Já joguei contra ele. Conheci ele pessoalmente por um amigo comum que foi campeão sualmericano juvenil de xadrez, mas tinha tido contato com o Mecking em jogos abertos quando eu estava ainda estava jogando. O detalhe curioso é que o Mequinho fez uma apresentação de simultânea contra 20 jigadores num shopping de São José do Rio Preto, minha cidade natal em 2000. O capivara aqui teve a sorte de ser um dos 3 que empatou com ele (+17,=3, - 0). Depois da simultânea ele fez um discurso para o shopping inteiro dizendo que Jesus voltaria até o fim daquele ano Laughing ... É um jogador excepcional. Mas a doença e a religião causaram problemas a ele (a religião acabou dando força psicológica para ele se recuperar).

Por que de sua opinião dele ser uma pessoa desprezível ? Fiquei curioso...
Ele é um cara extremamente vaidoso, com o rei na barriga e que despreza os outros. Com um conhecido ele fazia perguntas sobre se ele era o melhor jogador do Brasil e se achava que ele ainda era melhor do que certos jogadores dos quais ele fazia criticas meio cabeludas por escancarada inveja e necessidade de se auto afirmar. Como esse conhecido trabalha em um clube militar, já ligou algumas vezes tentando arrumar favores com algum militar para dar um jeito ou no cachorro do vizinho que latia muito, ou no outro vizinho que chagava tarde de moto em casa e a moto fazia barulho, entre outros assuntos cotidianos do gênero.

Nunca era coisa séria, eram sempre implicâncias pequenas ou mesquinhas. As coisas que ele falava sobre esses vizinhos e que ele até dizia que REZAVA para acontecer com eles não eram muito cristãs...

Ele também tem posts famosos no facebook onde diz que rezou para jesus não deixar ele perder essa ou aquela partida e foi atendido. Ele é claramente um sujeito muito egocêntrico que acha que o todo poderoso está ali para dar uma mãozinha contra seus adversários porque ele é melhor do que eles. Ele já deixou isso transparecer algumas vezes em conversas ao dizer coisas como "rezei muito aquele dia quando estava perdido, porque eu não acreditava que Jesus iria me deixar perder logo para fulano de tal, um cara com o defeito tal".

Todas as historias que eu ouço no Mequinho do meu irmão e dos amigos dele que o conheceram são sempre assim.

Obvio que eu menciono isso como curiosidade por estarmos em um ambiente cético, nem todo mundo é só defeitos e o Mecking é sem duvida nenhuma o maior enxadrista que o Brasil já teve e imagino que também tenha outras qualidades... mas ele definitivamente é uma contradição enquanto cristão. Chega a ser uma caricatura nesse quesito.
Mas a verdade é que ele apresenta traços de ser meio maluco da cabeça, algo tido como comum entre gênios.

NadaSei escreveu:Olha um post engraçado dele nesse sentido:

Mequinho escreveu:
"PEÇO QUE TODOS OS CRISTÃOS REZEM POR ALGUMAS INTENÇÕES IMPORTANTES: 1- Para que eu vença, invicto, o Torneio de Xadrez Rápido de Caraça-MG, que será em 11 e 12/1/2020; 2- Que o meu estudo de xadrez dê certo, que JESUS MULTIPLIQUE o meu tempo de estudo, como Ele multiplicou os pães e os peixes; 3- Pela cura de um amigo meu , que é muito católico; 4- Por 2 intenções muito importantes. 5- Peço que CURTAM E COMPARTILHEM este escrito. Sou teólogo católico . Obrigado."
https://www.facebook.com/pg/hmecking/posts/

Repare que o amigo DOENTE é só o item 3, os 2 anteriores tem relação a ele jogando xadrez.
Ele não perder pra ninguém é mais importante que a saúde do amigo, que só parece importar porque é católico. tongue

Eliphas escreveu:Sou completamente amador. Por onde começar a me aprofundar? Existe alguma estratégia básica, essencial?
Quais vocês consideram as melhores aberturas e contras?
Cinzu escreveu:Eliphas escreveu:
Sou completamente amador. Por onde começar a me aprofundar? Existe alguma estratégia básica, essencial?
Quais vocês consideram as melhores aberturas e contras?
Também não sou expert no assunto, mas quando iniciei os estudos em xadrez, os principais conselhos que levantei dos livros foi que xadrez deve ser estudado de trás pra frente: Final > Meio-jogo > Estratégia > Abertura.
A maioria dos iniciantes (e eu posso me incluir aí), ingenuamente começam pela ordem inversa, por questões intuitivas e cômodas.

A única exceção à regra é tática, que deve ser estudada em paralelo a todas as outras etapas, pois esta envolve muito mais um processo de repetição e assimilação, o qual requer prática pra desenvolver. Daí, a ideia de resolver exercícios diários de tática.

Um programa muito bom, didático e completo que recomendo é o Chessimo, do GM Milos.

Zero escreveu:Estude por livros, como o Cinzu recomendou. Assistir análises de partidas também é útil.

Entretanto, para melhor fixar o que aprende, nada melhor do que praticar.

Um site que gosto bastante é o ChessTempo.

Meu treino em tática melhorou muito minha habilidade de cálculo e visão no xadrez, no começo pode ser um pouco complicado, mas com o tempo torna-se natural e tranquilo de resolver os desafios.

https://beta.chesstempo.com/chess-tactics/

E se você quiser acompanhar a evolução e identificar os principais erros dos jogadores de acordo com o rating deles:

Série do GM Evandro Barbosa - Desafio - 800 a 2500 de rating no chess.com
Eliphas escreveu:Quais vcs consideram as melhores aberturas e contras?

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Eliphas escreveu:Quais vcs consideram as melhores aberturas e contras?
Não existe essa coisa de melhor, existe o desenvolvimento correto da abertura considerando as variantes que já foram suficientemente estudadas. Se você resolver inventar você se arrisca a entrar numa fria se o seu oponente sabe que é uma fria, porque estudou casos em que ela já foi jogada e os oponentes se lascaram.

Também tem um pouco de modismo. Não sei hoje, mas no tempo em que estudava (e faz tempo...) a abertura da moda era a Siciliana na variante Najdorf. Tinha vários livros sobre ela. Tem a ver com preferência dos grandes enxadristas de uma época. Mikhail Tal adorava ela.

Olha ele aí jogando contra Bobby Fisher:


youtu.be/OWx1K2m_Hhk

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Imagem
St Petersburg (na época Leningrado), Russia, 1924

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Eliphas escreveu:Quais os piores erros que vcs cometiam?

Seguem alguma estratégia-geral??
Zero escreveu:
Eliphas escreveu:
Quais os piores erros que vcs cometiam?

Seguem alguma estratégia-geral??
-Não desenvolver as peças. Sair com um peão e tomar o máximo de material do oponente (outros peões), enquanto isso ele desenvolvia cavalos e bispos, dominando as casas.

-Tomar imediatamente a peça que capturou alguma importante para mim. (Persegui-la no tabuleiro)

-Não ter visão dos próximos lances.

Cada caso é um caso, a única questão que praticamente todos recomendam é tentar desenvolver o máximo as peças, depois a estratégia depende de como seu oponente agiu.
Eliphas escreveu:Vocês começam desenvolvendo quais peças? Acham melhor deixar qual por último? Outra coisa, roque grande ou pequeno? Outra ainda - como vcs respondem a e4 e d4?


[quote=EliphasSeguem alguma orientação para o desenvolvimento?

Eu apreciaria muito contribuições, pois estou buscando me aprofundar nessa arte[/quote]

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Tem que praticar. Você pode começar vendo partidas importantes na internet. Comece pelas clássicas, de Morphy, Alekhine, Capablanca, etc.

Arrume um livro de aberturas para estudar e tirar dúvidas. Depois você passa para o meio-jogo e finalização.

Jogue on-line, procurando aplicar o que você aprendeu com a possibilidade de fazer consultas rápidas.

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Eliphas escreveu:
youtu.be/xmXwdoRG43U
Zero escreveu:Como Melhorar no Xadrez

Aprenda Aberturas de Xadrez

Sugiro acompanhar também: Xadrez Brasil

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Criso,

Dá uma olhada: https://en.wikipedia.org/wiki/Blindfold_chess

Dizem que jogar às cegas não faz bem á saúde. Dizem também que Paul Morphy ficou maluco por causa disso.

Mas acho que não existe nada científico a respeito.

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

HFC escreveu:Gigaview escreveu:
Criso,

Dá uma olhada: https://en.wikipedia.org/wiki/Blindfold_chess

Dizem que jogar às cegas não faz bem á saúde. Dizem também que Paul Morphy ficou maluco por causa disso.

Mas acho que não existe nada científico a respeito.
Tenho uma colega que joga forçadamente tal categoria. Ela foi campeã brasileira de xadrez para deficientes visuais...

Mas parece que ela vai deixar o filho louco, antes dela ficar, Gigaview ... Mães sempre fazem isso.

HFC escreveu:Eliphas escreveu:
Vocês começam desenvolvendo quais peças? Acham melhor deixar qual por último? Outra coisa, roque grande ou pequeno? Outra ainda - como vcs respondem a e4 e d4?
Primeiro, em geral, os cavalos, Eliphas. As últimas peças a se desenvolver serão, também em geral as torres.

Em geral, roque pequeno, mas o rei também pode não fazer o roque, assim como pode, em casos excepcionais, se mover sem o roque - tudo depende da abertura e do plano utilizado.

Cinzu escreveu:
youtu.be/BuEEDu4ljO4
Krikor ganhando de 2 a 1 do Nakamura no blitz. Apesar disso, achei ele muito inseguro no jogo, desistiu rápido demais na primeira partida e fez uma troca não muito boa na segunda, considerando que haviam trocas melhores.

Acho que ele se intimidou com o Nakamura. Mas mesmo assim ganhou, méritos a ele.
Eliphas escreveu:Postem dicas aí cacete!!!
BRIENNE OF FKING TARTH escreveu:
HFC escreveu:


Tenho uma colega que joga forçadamente tal categoria. Ela foi campeã brasileira de xadrez para deficientes visuais...

Mas parece que ela vai deixar o filho louco, antes dela ficar, Gigaview ... Mães sempre fazem isso.
Mas que calúnia!!! Twisted Evil

Cinzu escreveu:Desculpe-me a indelicadeza HFC, mas essa amiga nasceu com tal deficiência ou adquiriu posteriormente?

Pois fico me perguntando como deve ser árdua a tarefa de um cego aprender a jogar xadrez.
HFC escreveu:
Cinzu escreveu:
Desculpe-me a indelicadeza HFC, mas essa amiga nasceu com tal deficiência ou adquiriu posteriormente?

Pois fico me perguntando como deve ser árdua a tarefa de um cego aprender a jogar xadrez.
Indelicadeza alguma. Tanto eu quanto minha amiga somos diabéticos tipo I - (eu desde os 10 anos de idade, ela desde os 9 meses). Ela ficou cega por ter tido retinopatia aos 2 anos (erro no tratamento endocrinológico).

Imagem
Eliphas escreveu:Que acham da seguinte abertura por parte das pretas?

1.e4 d5
2.exd5 e6
3.dxe6 Bxe6

Achei uma boa jogada, porque desenvolve o bispo, abre logo espaço para o outro bispo e rainha, e o branco ainda está com as peças todas recuadas, como se tivesse "perdido tempo". O que acham?
Gorducho escreveu:1] P4R - P4D
2] PxP - P3R
3] PxP - BxP
perdeu o PD e deixou 1 buraco no centro
?
Eliphas escreveu:Sobre o bispoB5 da abertura Ruy Lopes -
realmente vale a pena? visto que

o cara joga peão a6, me expulsando pra a4
e depois o cara joga peão b5, me expulsando pra b3

valeu a pena?

Por um lado, acho interessante que o cara desarma a defesa diagonal da torre, mas sinto ter perdido tempo.
Eliphas escreveu:A abertura Ruy Lopez é para quando você tiver de brancas. O bispo b5 vai ser em resposta ao cavalo adversário c6, para proteger o peão e5 sendo atacado pelo cavalo branco f3.

Imagem

Então se ele ameaçar seu bispo com o peão a6, a ideia é trocar o bispo pelo cavalo, e então o peão e5 ficará desprotegido, podendo ser tomado pelo cavalo f3.

Dessa forma, o oponente ficará com uma coluna de peões dobrados e perderá o centro. Além disso, as brancas terão aberto o bispo e cavalo da ala do rei, possibilitando o rock.

Para evitar isso, as negras não devem jogar peão a6. Deixem o bispo lá, e ao invés disso, proteja o peão e5 com peão d4. Ou então, desenvolva o outro cavalo em f6. Assim, quando perderem o peão do centro, poderão compensar capturando o peão branco do centro e também terão um cavalo desenvolvido.
Eliphas escreveu:E se ao invés de comer o bispo com o peão de D, ele comer com o peão de B?
EuSouOqueSou escreveu:Com as pretas, eu respondo essa abertura com cavalo D4.
Cinzu escreveu:Eliphas escreveu:
E se ao invés de comer o bispo com o peão de D, ele comer com o peão de B?
Com qual peça ele capturaria o peão? Na imagem que postei, não há nenhuma ameaçando-o, precisaria de mais desenvolvimento de peça, como cavalo f6. E até lá, o bispo preto já teria capturado o cavalo c6 e as brancas poderiam retirá-lo para uma casa segura.

Resumindo: negras perderiam o cavalo e ainda não levariam bispo das brancas.
Cinzu escreveu:
EuSouOqueSou escreveu:
Com as pretas, eu respondo essa abertura com cavalo D4.
Boa jogada! Eu responderia com cavalo c3! :D
Eliphas escreveu:Bah, não vi a publicação e amanhã já tenho compromisso no mesmo horário...

Como seria?? A gente comenta a jogada no chat?
ex: "e4", etc?

EuSouOqueSou escreveu:Cinzu escreveu:
EuSouOqueSou escreveu:
Com as pretas, eu respondo essa abertura com cavalo D4.
Boa jogada! Eu responderia com cavalo c3! Very Happy

Cavalo come bispo :D

Cinzu escreveu:E é comido por outro cavalo. Quem com ferro fere, com ferro será ferido.
EuSouOqueSou escreveu:Cinzu escreveu:
E é comido por outro cavalo. Quem com ferro fere, com ferro será ferido.
Ja espereva por isso. Peao D7-6
EuSouOqueSou escreveu:Tem um app chamado Lichess. Dá pra montar uma mesa e enviar um link até por aqui mesmo. Dá pra jogar pelo app ou web, os jogadores podem manter a privacidade e quem quiser pode assistir tbm pelo link.
Cinzu escreveu:EuSouOqueSou escreveu:
Ja espereva por isso. Peao D7-6
d4
EuSouOqueSou escreveu:
Cinzu escreveu:
EuSouOqueSou escreveu:

Ja espereva por isso. Peao D7-6
d4

peao c6
Pra acompanhar:
https://lichess.org/editor/r1bqkbnr/pp3 ... KQkq_-_0_1


Eliphas escreveu:Alguém quer jogar hoje?

Anorax escreveu:Um ótimo jogo....meu auge foi nos anos 70/80. Nesta época meu adversário mais qualificado foi Francisco Trois....https://en.wikipedia.org/wiki/Francisco_Trois
Perdi claro....mas com uma boa resistência.... Very Happy
Atualmente o que sei é só para ensinar os netos. e acompanhar os que sabem jogar.
Eliphas escreveu:Povo, o que vcs acham de mates em poucos lances, que desrespeitam aqueles clichês de desenvolvimento das peças?
Eliphas escreveu:quais vcs consideram as melhores aberturas p/ pretas?
Cinzu escreveu:EuSouOqueSou escreveu:
Cinzu escreveu:

d4
peao c6

Pra acompanhar:
https://lichess.org/editor/r1bqkbnr/pp3 ... KQkq_-_0_1
Poxa! Vai mesmo me fazer passar essa vergonha ao vivo??

Cc3

EuSouOqueSou escreveu:EuSouOqueSou escreveu:

Poxa! Vai mesmo me fazer passar essa vergonha ao vivo??

Cc3
Desculpe, nao era minha intenção, era so pra facilitar o andamento do jogo

Bispo g4
Cinzu escreveu:
Eliphas escreveu:
O que acham? https://pt.wikipedia.org/wiki/Defesa_C%C3%A2mara
Não deve ser muito conhecida. Parece interessante.
EuSouOqueSou escreveu:
Desculpe, nao era minha intenção, era so pra facilitar o andamento do jogo

Bispo g4
d4xe5

EuSouOqueSou escreveu:EuSouOqueSou escreveu:
Desculpe, nao era minha intenção, era so pra facilitar o andamento do jogo

Bispo g4
d4xe5
g4xf3[/quote]



Anorax escreveu:
Eliphas escreveu:
Povo, o que vcs acham de mates em poucos lances, que desrespeitam aqueles clichês de desenvolvimento das peças?
Poucos lances ... quantos?....menos de 10?
Salvo demonstração cabal em contrário estes mates curtos são mais falha de quem leva que méritos de quem aplica.....
Cinzu escreveu:
EuSouOqueSou escreveu:

g4xf3
Dxf3

Jogo atual: https://lichess.org/editor/r2qkbnr/pp3p ... KQkq_-_0_1
Eliphas escreveu:O que vcs pensam, no caso de um iniciante, aprender uma só abertura e usá-la sempre, contra todos os casos, para ir aprendendo a lidar com as variações? No caso estou aprendendo a "King's Indian", tanto ataque quanto defesa, ou seja tenho usado tanto jogando nas brancas quanto nas pretas, soltando sempre o cavalo do rei e o antepenúltimo peão, fianchettando o bispo para logo em seguida fazer o roque.

Cf3, g3, Bg2, Castle. Tem alguma fraqueza possível para essa abertura?
Cinzu escreveu:Sim, o melhor para iniciantes é não se preocupar muito com a abertura. Costume jogar uma simples, de fácil entendimento, e vá estudando finais e estratégia, enquanto treina tática.

Depois disso, estude as aberturas.

sdelareza escreveu:Imagem
sdelareza escreveu:Alguns dados interessantes sobre o xadrez:
1) Se você colocar um grão de arroz na primeira casa, dois grãos na segunda casa,
quatro grãos na terceira casa, e assim em diante seguindo uma progressão geométrica...

A casa 64 corresponderá a 9 quinquilhões de grãos (ou 9223372036854775808 grãos).
A soma de todas das casas será igual a 2^64-1 = 1,8 *10^19 grãos de arroz. Muito mais
que toda a produção mundial de arroz.

Isso é o tema de uma lenda bem conhecida do xadrez. Era como o inventor do xadrez queria ser recompensado pelo rei, que havia adotado de imediato seu jogo.

2) A complexidade do jogo é o número de partidas diferentes que podem ser jogadas.

Claude Shannon (considerado o pai da teoria da informação) calculou esse valor para o xadrez em 10^120.

O valor atual é avaliado em 10^131, bem mais alto que número estimado de átomos no Universo (entre 4×10^78 e 6×10^79).

Fonte:
https://ideiasesquecidas.com/2016/06/24 ... de-xadrez/
wikipedia
Gabarito escreveu:
sdelareza escreveu:
Alguns dados interessantes sobre o xadrez:
1) Se você colocar um grão de arroz na primeira casa, dois grãos na segunda casa,
quatro grãos na terceira casa, e assim em diante seguindo uma progressão geométrica...

[...]
A história original vem de Malba Tahan, do maravilhoso livro O Homem Que Calculava.
Eu li na adolescência e sempre fiquei impressionado com essa obra.

Transcrevo abaixo o trecho que conta os detalhes da estória.


[...]

- Quero recompensar-te, meu amigo, por este maravilhoso presente, que de tanto me serviu para alívio de velhas angústias. Dize-me, pois, o que desejas, para que eu possa, mais uma vez, demonstrar o quanto sou grato àqueles que se mostram dignos de recompensa.

As palavras com que o rei traduziu o generoso oferecimento deixaram Sessa imperturbável. Sua fisionomia serena não traía a menor agitação, a mais insignificante mostra de alegria ou surpresa. Os vizires olhavam-no atônitos, e entreolhavam-se pasmados diante da apatia de uma cobiça a que se dava o direito da mais livre expansão.

- Rei poderoso! - redargüiu o jovem com doçura e altivez. - Não desejo, pelo presente que hoje vos trouxe, outra recompensa além da satisfação de ter proporcionado ao senhor de Taligana um passatempo agradável, que lhe vem aligeirar as horas dantes alongadas por acabrunhante melancolia. Já estou, portanto, sobejamente aquinhoado e outra qualquer paga seria excessiva.

Sorriu, desdenhosamente, o bom soberano ao ouvir aquela resposta, que refletia um desinteresse tão raro entre os ambiciosos hindus. E, não crendo na sinceridade das palavras de Sessa, insistiu:

- Causa-me assombro tanto desdém e desamor aos bens materiais, ó jovem! A modéstia, quando excessiva, é como o vento que apaga o archote, cegando o viandante nas trevas de uma noite interminável. Para que possa o homem vencer os múltiplos obstáculos que se lhe deparam na vida, precisa ter o espírito preso às raízes de uma ambição que o impulsione a um ideal qualquer.

Exijo, portanto, que escolhas, sem mais demora, uma recompensa digna de tua valiosa oferta. Queres uma bolsa cheia de ouro? Desejas uma arca repleta de jóias? Já pensaste em possuir um palácio? Almejas a administração de uma província? Aguardo a tua resposta, por isso que à minha promessa está ligada a minha palavra!

- Recusar o vosso oferecimento depois de vossas últimas palavras - acudiu Sessa - seria menos descortesia do que desobediência ao rei. Vou, pois, aceitar, pelo jogo que inventei, uma recompensa que corresponde à vossa generosidade; não desejo, contudo, nem ouro, nem terras ou palácios. Peço o meu pagamento em grãos de trigo.

- Grãos de trigo? - estranhou o rei, sem ocultar o espanto que lhe causava semelhante proposta. - Como poderei pagar-te com tão insignificante moeda?

- Nada mais simples - elucidou Sessa. - Dar-me-eis um grão de trigo pela primeira casa do tabuleiro; dois pela segunda, quatro pela terceira, oito pela quarta, e, assim dobrando sucessivamente, até a sexagésima quarta e última casa do tabuleiro. Peço-vos, ó rei, de acordo com a vossa magnânima oferta, que autorizeis o pagamento em grãos de trigo, e assim como indiquei!

Não só o rei como os vizires e venerandos brâmanes presentes riram-se, estrepitosamente, ao ouvir a estranha solicitação do jovem. A desambição que ditara aquele pedido era, na verdade, de causar assombro a quem menos apego tivesse aos lucros materiais da vida. O moço brâmane, que bem poderia obter do rei um palácio ou uma província, contentava-se com grãos de trigo!

- Insensato! - clamou o rei. - Onde foste aprender tão grande desamor à fortuna? A recompensa que me pedes é ridícula. Bem sabes que há, num punhado de trigo, número incontável de grãos. Devemos compreender, portanto, que com duas ou três medidas de trigo eu te pagarei folgadamente, consoante o teu pedido, pelas 64 casas do tabuleiro. É certo, pois, que pretendes uma recompensa que mal chegará para distrair, durante alguns dias, a fome do último pária1 do meu reino.

Enfim, visto que minha palavra foi dada, vou expedir ordens para que o pagamento se faça imediatamente, conforme teu desejo.

Mandou o rei chamar os algebristas mais hábeis da corte e ordenou-lhes calculassem a porção de trigo que Sessa pretendia.

Os sábios calculistas, ao cabo de algumas horas de acurados estudos, voltaram ao salão para submeter ao rei o resultado completo de seus cálculos.

Perguntou-lhes o rei, interrompendo a partida que então jogava:

- Com quantos grãos de trigo poderei, afinal, desobrigar-me da promessa que fiz ao jovem Sessa?

- Rei magnânimo! - declarou o mais sábio dos matemáticos. - Calculamos o número de grãos de trigo que constituirá o pagamento pedido por Sessa, e obtivemos um número2 cuja grandeza é inconcebível para a imaginação humana.

Avaliamos, em seguida, com o maior rigor, a quantas ceiras3 corresponderia esse número total de grãos, e chegamos à seguinte conclusão: a porção de trigo que deve ser dada a Lahur Sessa equivale a uma montanha que, tendo por base a cidade de Taligana, seria cem vezes mais alta do que o Himalaia! A índia inteira, semeados todos os seus campos, taladas todas as suas cidades, não produziria em 2000 séculos a quantidade de trigo que, pela vossa promessa, cabe, em pleno direito, ao jovem Sessa!

Como descrever aqui a surpresa e o assombro que essas palavras causaram ao rei Iadava e a seus dignos vizires?

O soberano hindu via-se, pela primeira vez, diante da impossibilidade de cumprir a palavra dada.

Lahur Sessa - rezam as crônicas do tempo -, como bom súdito, não quis deixar aflito o seu soberano. Depois de declarar publicamente que abriria mão do pedido que fizera, dirigiu-se respeitosamente ao monarca e assim falou:

- Meditai, ó rei, sobre a grande verdade que os brâmanes prudentes tantas vezes repetem: os homens mais avisados iludem-se, não só diante da aparência enganadora dos números, mas também com a falsa modéstia dos ambiciosos.

Infeliz daquele que toma sobre os ombros o compromisso de uma dívida cuja grandeza não pode avaliar com a tábua de cálculo de sua própria argúcia. Mais avisado é o que muito pondera e pouco promete!

E, após ligeira pausa, acrescentou:

- Menos aprendemos com a ciência vã dos brâmanes do que com a experiência direta da vida e das suas lições de todo dia, a toda hora desdenhadas!

O homem que mais vive mais sujeito está às inquietações morais, mesmo que não as queira. Achar-se-á ora triste, ora alegre; hoje fervoroso, amanhã, tíbio; já ativo, já preguiçoso; a compostura alternará com a leviandade. Só o verdadeiro sábio, instruído nas regras espirituais, se eleva acima dessas vicissitudes, paira por sobre todas essas alternativas!

Essas inesperadas e tão sábias palavras calaram fundo no espírito do rei.

Esquecido da montanha de trigo que, sem querer, prometera ao jovem brâmane, nomeou-o seu primeiro-vizir.

E Lahur Sessa, distraindo o rei com engenhosas partidas de xadrez e orientando-o com sábios e prudentes conselhos, prestou os mais assinalados benefícios ao povo e ao país, para maior segurança do trono e maior glória de sua pátria.

Encantado ficou o califa Al-Motacém quando Beremiz concluiu a história singular do jogo de xadrez. Chamou o chefe de seus escribas e determinou que a lenda de Sessa fosse escrita em folhas especiais de algodão e conservada em valioso cofre de prata.

E, a seguir, o generoso soberano deliberou se entregasse ao calculista um manto de honra e 100 sequins de ouro.

Bem disse o filósofo:

- Deus fala ao mundo pelas mãos dos generosos!4

A todos causou grande alegria o ato de magnanimidade do soberano de Bagdá. Os cortesãos que permaneciam no divã eram amigos do vizir Maluf e do poeta Iezid: era, pois, com simpatia que ouviam as palavras do calculista persa, por quem muito se interessavam.

Beremiz, depois de agradecer ao soberano os presentes com que acabava de ser distinguido, retirou-se do divã. O califa ia iniciar o estudo e julgamento de diversos casos, ouvir os honrados cádis5 e proferir suas sábias sentenças.

Deixamos o palácio real ao cair da noite. Ia começar o mês de Chá-band6.

_______________________
1 Indivíduo pertencente a uma das castas mais ínfimas da costa de Coromandel. Corresponde, na escala social, à casta dos poleás.
Na Europa emprega-se o termo no sentido de “homem expulso de sua casta ou classe”. (B. A. B.)
2 Para se obter esse total de grãos de trigo, devemos elevar o número 2 ao expoente 64, e do resultado tirar uma unidade. Trata-se de um numero verdadeiramente astronômico, de vinte algarismos, que é famoso em matemática: 18.446.744.073.709.551.615
Chamamos especialmente a atenção dos matemáticos para a nota do apêndice intitulada O problema do jogo de xadrez.
3 “Ceira” ou “cer” - unidade de capacidade e peso usada na índia. Seu valor variava de uma localidade para outra.
4 Esse pensamento ê de Gibran Khalil Gibran.
5 Juizes. Denominação dada aos magistrados.
6 Um dos meses do calendário árabe.


CInzu escreveu:Roque.
https://lichess.org/editor/r2qkbnr/pp3p ... w_kq_-_0_1
Gabarito escreveu:
A história original vem de Malba Tahan, do maravilhoso livro O Homem Que Calculava.
Eu li na adolescência e sempre fiquei impressionado com essa obra.
Essa obra está entre as obras brasileiras que mais fizeram sucesso em todo o mundo. Mesmo os que não tem muita afinidade com a matemática acabam por interessarem pelo livro.

Nessa passagem em específico, ele usa o tabuleiro do xadrez como forma de mostrar a magnificência do poder do exponencial.


sdelareza escreveu:Li também "Novela de xadrez", última obra de Stephan Zweig, escrita no Brasil, antes do seu suicídio.

A história se passa num navio, e mostra uma sequencia de partidas entre um certo Dr. B. e o campeão mundial de xadrez Mirko Czentovic.

O Dr. B fora preso e isolado antes por um longo tempo pelos nazistas. Sua única distração foi um manual de xadrez encontrado por acaso, onde aprendeu a jogar e decorar centenas de jogos.
Eliphas escreveu:que acham do SISTEMA LONDON?

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Imagem
Samuel H. Reshevsky aos 8 anos de idade numa simultânea em 1920. Ganhou todas as partidas.

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Eliphas escreveu:Como será que funciona a mente dele? Será que olha para cada cenário e vê a melhor jogada que se encontra logo a frente, apenas? Ou mantém todos os jogos na memória, pensando na estratégia do adversário, em tudo?
Não é o caso dele (nem de todos os jogadores honestos), mas teoricamente você só precisa jogar um xadrez medíocre, ter excelente memória e ser muito esperto.


youtu.be/OcKYg1mM35U

É difícil imaginar como as coisas acontecem na mente de um grande enxadrista. No caso dos savants que exibem talentos de cálculos matemáticos, por exemplo, os resultados simplesmente aparecem sem esforço mental algum. Pode ser que aconteça o mesmo com alguns gênios enxadristas. Não sei. Na maioria dos casos "não geniais" acredito que haja um esforço enorme de memória e de planejamento, pensando na estratégia do adversário.

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Zero
Mensagens: 135
Registrado em: Sex, 28 28America/Sao_Paulo Fevereiro 28America/Sao_Paulo 2020 - 13:29 pm

Mensagem por Zero »

Copa dos Streamers Chess.com - Final


youtu.be/stPFuVnpjew

GM Evandro Barbosa contra o GM Krikor.

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
HFC
Mensagens: 4
Registrado em: Seg, 27 27America/Sao_Paulo Abril 27America/Sao_Paulo 2020 - 14:49 pm

Mensagem por HFC »


youtu.be/2uJrV1OSLG8


O Supi é catanduvense (de minha região) - mas não cheguei a conhecê-lo. Ele é bem novo 1996 ... Estão chamando essa de a Imortal Brasileira! :lol: :lol: :lol:

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Zero
Mensagens: 135
Registrado em: Sex, 28 28America/Sao_Paulo Fevereiro 28America/Sao_Paulo 2020 - 13:29 pm

Mensagem por Zero »

Supi foi fantástico nessa, são poucos que conseguem fazer o Carlsen ter uma reação dessas. Foi uma partida muito repercutida em âmbito internacional, foi curta a partida, porém memorável.

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Zero
Mensagens: 135
Registrado em: Sex, 28 28America/Sao_Paulo Fevereiro 28America/Sao_Paulo 2020 - 13:29 pm

Mensagem por Zero »

Quando dois gênios se enfrentam em um tabuleiro de xadrez

Capablanca x Alekhine


youtu.be/iz_2SYHTmHQ

O canal Xadrez Brasil traz análises interessantes, quem gosta de xadrez é uma boa ideia acompanhar o canal.

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Magnus Carlsen jogando ping com 3 às cegas.


youtu.be/xmXwdoRG43U

Contra 5.... :o


youtu.be/lqmzadHNSLs

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Método para desenvolver a capacidade de jogar às cegas.


youtu.be/Z4U336yifjg

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Análises de memória, sem ver o tabuleiro.


youtu.be/ku-s4TMllL8

Re: XADREZ --Novidades e acontecimentos da nobre arte -- XADREZ

Avatar do usuário
Gigaview
Moderador
Mensagens: 1095
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 13:48 pm

Mensagem por Gigaview »

Ele memoriza 48 posições de partidas das quais 3 são sorteadas para ele dar continuidade às cegas contra mestres.


youtu.be/5V4r0xriQNA
Responder