Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Área destinada à discussão sobre Ciência e os avanços científicos e tecnológicos da humanidade.

Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Não é mais coisa apenas de ricos ou de filmes da franquia 007 ou Missão Impossível. Hoje em dia, está relativamente fácil para o indivíduo comum provar intenções antiéticas ou criminosas de alguém usando dispositivos eletrônicos intensivos em tecnologia de espionagem, inclusive podendo prevenir uma infração somente por tê-los. São exemplos de bens do tipo que mencionei:

Escuta
Mini-Câmera
Câmera com monitoramento em tempo real (seja de smartphone ou não)
Rastreador de localização (inclusive os que funcionam off-line, seja de smartphone ou não)
Disfarces de espionagem para os bens acima como caneta, carregador, pingente, pendrive, porta retrato, etc.

Porque esses bens não são mais populares (sobretudo em países mais violentos em que as pessoas desconfiam da qualidade da investigação policial)? Existem inconvenientes demais em tê-los ou simplesmente é falta de visão das pessoas?

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Hipatia
Mensagens: 226
Registrado em: Qua, 04 04America/Sao_Paulo Março 04America/Sao_Paulo 2020 - 15:27 pm
Localização: 3ª PEDRA ORBITANDO A ESTRELA AMARELA

Mensagem por Hipatia »

Seu homônimo de sobrenome talvez não concordasse com isso, Huxley, mas a verdade é que se não cairmos na óbvia dicotomia segurança x privacidade, toda essa tecnologia de monitoramento e localização é imprescindível na proteção de vidas.

Usei com a minha caçula essa tecnologia de rastreio com o consentimento dela e nunca me arrependi.

Acho inclusive que todos deveriam usar, porém muitos hão de recusar alegando "liberdade"... ;)
AVE ENTROPIA MORITURI TE SALUTANT

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Cinzu
Mensagens: 897
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 16:06 pm

Mensagem por Cinzu »

E há quem pense que para nos monitorar é necessário implantar chips utilizando a vacina do Coronavírus...

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 2580
Registrado em: Ter, 11 11America/Sao_Paulo Fevereiro 11America/Sao_Paulo 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Na Rússia, para fins de seguro de automóvel, todo veículo tem uma câmera filmando o tempo todo.
É por isso que há tantas coletâneas de acidentes no Youtube.
Pode favorecer se você for a vítima de uma barbeiragem, ou prejudicar, se você for o culpado e não tiver como mentir.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 2580
Registrado em: Ter, 11 11America/Sao_Paulo Fevereiro 11America/Sao_Paulo 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Li um artigo sobre óculos de realidade aumentada. Parece que a Apple vai finalmente lançar o seu modelo.

Podem ser muito úteis ao se dirigir ou ao andar pelas ruas, indicando o caminho ou chamando a atenção para coisas do interesse da pessoa, mas também são perigosos porque permitem que nossa vida seja monitorada a cada instante. Afinal, alguém estará vendo através dos nosso olhos e saberá de tudo o que fizermos, não apenas por onde andamos.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Pedro Reis
Mensagens: 718
Registrado em: Ter, 24 24America/Sao_Paulo Março 24America/Sao_Paulo 2020 - 11:28 am

Mensagem por Pedro Reis »

Huxley escreveu:
Sáb, 02 02America/Sao_Paulo Janeiro 02America/Sao_Paulo 2021 - 22:17 pm
Não é mais coisa apenas de ricos ou de filmes da franquia 007 ou Missão Impossível. Hoje em dia, está relativamente fácil para o indivíduo comum provar intenções antiéticas ou criminosas de alguém usando dispositivos eletrônicos intensivos em tecnologia de espionagem, inclusive podendo prevenir uma infração somente por tê-los. São exemplos de bens do tipo que mencionei:

Escuta
Mini-Câmera
Câmera com monitoramento em tempo real (seja de smartphone ou não)
Rastreador de localização (inclusive os que funcionam off-line, seja de smartphone ou não)
Disfarces de espionagem para os bens acima como caneta, carregador, pingente, pendrive, porta retrato, etc.

Porque esses bens não são mais populares (sobretudo em países mais violentos em que as pessoas desconfiam da qualidade da investigação policial)? Existem inconvenientes demais em tê-los ou simplesmente é falta de visão das pessoas?
As câmeras já são onipresentes. Alarmes também.

No entanto escutas são ilegais e não podem ser usadas como prova em um processo.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Pedro Reis
Mensagens: 718
Registrado em: Ter, 24 24America/Sao_Paulo Março 24America/Sao_Paulo 2020 - 11:28 am

Mensagem por Pedro Reis »

Fernando Silva escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 08:43 am
Li um artigo sobre óculos de realidade aumentada. Parece que a Apple vai finalmente lançar o seu modelo.

Podem ser muito úteis ao se dirigir ou ao andar pelas ruas, indicando o caminho ou chamando a atenção para coisas do interesse da pessoa, mas também são perigosos porque permitem que nossa vida seja monitorada a cada instante. Afinal, alguém estará vendo através dos nosso olhos e saberá de tudo o que fizermos, não apenas por onde andamos.
O Google já faz algo assim com seu smartphone.

Eu recebi um relatório das minhas atividades que só não foi preciso porque como eu não tenho zap, geralmente estou com a conexão desabilitado no meu telefone. Mas no relatório que a Google me enviou mostrava até que eu tinha estado em uma loja da Kalunga certo dia.

Certamente é possível rastrear seus movimentos mesmo que você não esteja conectado. Mas esse relatório só registra seus movimentos quando seu telefone estava com o serviço de dados ativo.

O interessante é que o algoritmo enxerga se você estava se deslocando a pé, de carro, de ônibus e até de bicicleta.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Cinzu
Mensagens: 897
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 16:06 pm

Mensagem por Cinzu »

Essa coleta de dados tem sido particularmente interessante para serem vendidos a empresas de marketing direcionado. O algoritmo do facebook, por exemplo, utiliza até mesmo a localização das pessoas para sugerir amizades na rede. Não é apenas mera coincidência que quando conversamos com alguém ou quando frequentamos locais semelhantes a outra pessoa, de repente esta pessoa aparece como sugestão de amizade.

A LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) foi um importante passo para evitar usos indevidos de dados por parte de empresas.
O que é a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais? Dê um "giro" pela lei e conheça desde já as principais transformações que ela traz para o país

De compras on-line a redes sociais, de hospitais a bancos, de escolas a teatros, de hotéis a órgãos públicos, da publicidade à tecnologia: pode ter certeza, a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) afeta diferentes setores e serviços, e a todos nós brasileiras e brasileiros, seja no papel de indivíduo, empresa ou governo. Aqui, a gente te ajuda a entender os seus direitos como cidadão, ou suas obrigações, caso você seja responsável por bases de dados de pessoas.

Imagem

A LGPD é a lei nº 13.709, aprovada em agosto de 2018 e com vigência a partir de agosto de 2020. Para entender a importância do assunto, é necessário saber que a nova lei quer criar um cenário de segurança jurídica, com a padronização de normas e práticas, para promover a proteção, de forma igualitária e dentro do país e no mundo, aos dados pessoais de todo cidadão que esteja no Brasil. E, para que não haja confusão, a lei traz logo de cara o que são dados pessoais, define que há alguns desses dados sujeitos a cuidados ainda mais específicos, como os sensíveis e os sobre crianças e adolescentes, e que dados tratados tanto nos meios físicos como nos digitais estão sujeitos à regulação.

A LGPD estabelece ainda que não importa se a sede de uma organização ou o centro de dados dela estão localizados no Brasil ou no exterior: se há o processamento de conteúdo de pessoas, brasileiras ou não, que estão no território nacional, a LGPD deve ser cumprida. Determina também que é permitido compartilhar dados com organismos internacionais e com outros países, desde que isso ocorra a partir de protocolos seguros e/ou para cumprir exigências legais.

Consentimento
Outro elemento essencial da LGPD é o consentir. Ou seja, o consentimento do cidadão é a base para que dados pessoais possam ser tratados. Mas há algumas exceções a isso. É possível tratar dados sem consentimento se isso for indispensável para: cumprir uma obrigação legal; executar política pública prevista em lei; realizar estudos via órgão de pesquisa; executar contratos; defender direitos em processo; preservar a vida e a integridade física de uma pessoa; tutelar ações feitas por profissionais das áreas da saúde ou sanitária; prevenir fraudes contra o titular; proteger o crédito; ou atender a um interesse legítimo, que não fira direitos fundamentais do cidadão.

Automatização com autorização
Por falar em direitos, é essencial saber que a lei traz várias garantias ao cidadão, que pode solicitar que dados sejam deletados, revogar um consentimento, transferir dados para outro fornecedor de serviços, entre outras ações. E o tratamento dos dados deve ser feito levando em conta alguns quesitos, como finalidade e necessidade, que devem ser previamente acertados e informados ao cidadão. Por exemplo, se a finalidade de um tratamento, feito exclusivamente de modo automatizado, for construir um perfil (pessoal, profissional, de consumo, de crédito), o indivíduo deve ser informado que pode intervir, pedindo revisão desse procedimento feito por máquinas.

ANPD e agentes de tratamento
E tem mais. Para a lei a "pegar", o país contará com a Autoridade Nacional de Proteção de Dados Pessoais, a ANPD. A instituição vai fiscalizar e, se a LGPD for descumprida, penalizar. Além disso, a ANPD terá, é claro, as tarefas de regular e de orientar, preventivamente, sobre como aplicar a lei. Cidadãos e organizações poderão colaborar com a autoridade.

Mas não basta a ANPD - que está em formação - e é por isso que a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais também estipula os agentes de tratamento de dados e suas funções, nas organizações: tem o controlador, que toma as decisões sobre o tratamento; o operador, que realiza o tratamento, em nome do controlador; e o encarregado, que interage com cidadãos e autoridade nacional (e poderá ou não ser exigido, a depender do tipo ou porte da organização e do volume de dados tratados).

Gestão em foco
Há um outro item que não poderia ficar de fora: a administração de riscos e falhas. Isso quer dizer que quem gere base de dados pessoais terá que redigir normas de governança; adotar medidas preventivas de segurança; replicar boas práticas e certificações existentes no mercado. Terá ainda que elaborar planos de contingência; fazer auditorias; resolver incidentes com agilidade. Se ocorrer, por exemplo, um vazamento de dados, a ANPD e os indivíduos afetados devem ser imediatamente avisados. Vale lembrar que todos os agentes de tratamento sujeitam-se à lei. Isso significa que as organizações e as subcontratadas para tratar dados respondem em conjunto pelos danos causados. E as falhas de segurança podem gerar multas de até 2% do faturamento anual da organização no Brasil – e no limite de R$ 50 milhões por infração. A autoridade nacional fixará níveis de penalidade segundo a gravidade da falha. E enviará, é claro, alertas e orientações antes de aplicar sanções às organizações.
Fonte: https://www.serpro.gov.br/lgpd/menu/a-l ... com-a-lgpd

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Pedro Reis escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 09:08 am
Huxley escreveu:
Sáb, 02 02America/Sao_Paulo Janeiro 02America/Sao_Paulo 2021 - 22:17 pm
Não é mais coisa apenas de ricos ou de filmes da franquia 007 ou Missão Impossível. Hoje em dia, está relativamente fácil para o indivíduo comum provar intenções antiéticas ou criminosas de alguém usando dispositivos eletrônicos intensivos em tecnologia de espionagem, inclusive podendo prevenir uma infração somente por tê-los. São exemplos de bens do tipo que mencionei:

Escuta
Mini-Câmera
Câmera com monitoramento em tempo real (seja de smartphone ou não)
Rastreador de localização (inclusive os que funcionam off-line, seja de smartphone ou não)
Disfarces de espionagem para os bens acima como caneta, carregador, pingente, pendrive, porta retrato, etc.

Porque esses bens não são mais populares (sobretudo em países mais violentos em que as pessoas desconfiam da qualidade da investigação policial)? Existem inconvenientes demais em tê-los ou simplesmente é falta de visão das pessoas?
As câmeras já são onipresentes. Alarmes também.

No entanto escutas são ilegais e não podem ser usadas como prova em um processo.
O foco deste tópico é o uso de espionagem apenas em circunstância que promove justiça. Sendo assim, escuta em flagrante preparado é ilegal; agora, se o crime já existia e houve apenas produção de prova do crime, então a escuta é legal.

As câmeras são muito ausentes em dois itens muito roubados no Brasil: smartphone e carro. Nos smartphones, as câmeras só funcionam como sistema antifurto eficaz em contexto de aplicativos de espionagem, coisa que a maioria das pessoas não tem. Em carros, só uma pequena parcela dos seus proprietários usam câmera como recurso antifurto.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Pedro Reis
Mensagens: 718
Registrado em: Ter, 24 24America/Sao_Paulo Março 24America/Sao_Paulo 2020 - 11:28 am

Mensagem por Pedro Reis »

Huxley escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 11:53 am
Pedro Reis escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 09:08 am
Huxley escreveu:
Sáb, 02 02America/Sao_Paulo Janeiro 02America/Sao_Paulo 2021 - 22:17 pm
Não é mais coisa apenas de ricos ou de filmes da franquia 007 ou Missão Impossível. Hoje em dia, está relativamente fácil para o indivíduo comum provar intenções antiéticas ou criminosas de alguém usando dispositivos eletrônicos intensivos em tecnologia de espionagem, inclusive podendo prevenir uma infração somente por tê-los. São exemplos de bens do tipo que mencionei:

Escuta
Mini-Câmera
Câmera com monitoramento em tempo real (seja de smartphone ou não)
Rastreador de localização (inclusive os que funcionam off-line, seja de smartphone ou não)
Disfarces de espionagem para os bens acima como caneta, carregador, pingente, pendrive, porta retrato, etc.

Porque esses bens não são mais populares (sobretudo em países mais violentos em que as pessoas desconfiam da qualidade da investigação policial)? Existem inconvenientes demais em tê-los ou simplesmente é falta de visão das pessoas?
As câmeras já são onipresentes. Alarmes também.

No entanto escutas são ilegais e não podem ser usadas como prova em um processo.
O foco deste tópico é o uso de espionagem apenas em circunstância que promove justiça. Sendo assim, escuta em flagrante preparado é ilegal; agora, se o crime já existia e houve apenas produção de prova do crime, então a escuta é legal.

As câmeras são muito ausentes em dois itens muito roubados no Brasil: smartphone e carro. Nos smartphones, as câmeras só funcionam como sistema antifurto eficaz em contexto de aplicativos de espionagem, coisa que a maioria das pessoas não tem. Em carros, só uma pequena parcela dos seus proprietários usam câmera como recurso antifurto.
Huxley, você é maluco.

Outro dia montou uma discussão comigo batendo pé que aplicativo de espionagem não serve pra nada como sistema antifurto.

Agora diz isso.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Pedro Reis escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 22:46 pm
Huxley escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 11:53 am
Pedro Reis escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 09:08 am
Huxley escreveu:
Sáb, 02 02America/Sao_Paulo Janeiro 02America/Sao_Paulo 2021 - 22:17 pm
Não é mais coisa apenas de ricos ou de filmes da franquia 007 ou Missão Impossível. Hoje em dia, está relativamente fácil para o indivíduo comum provar intenções antiéticas ou criminosas de alguém usando dispositivos eletrônicos intensivos em tecnologia de espionagem, inclusive podendo prevenir uma infração somente por tê-los. São exemplos de bens do tipo que mencionei:

Escuta
Mini-Câmera
Câmera com monitoramento em tempo real (seja de smartphone ou não)
Rastreador de localização (inclusive os que funcionam off-line, seja de smartphone ou não)
Disfarces de espionagem para os bens acima como caneta, carregador, pingente, pendrive, porta retrato, etc.

Porque esses bens não são mais populares (sobretudo em países mais violentos em que as pessoas desconfiam da qualidade da investigação policial)? Existem inconvenientes demais em tê-los ou simplesmente é falta de visão das pessoas?
As câmeras já são onipresentes. Alarmes também.

No entanto escutas são ilegais e não podem ser usadas como prova em um processo.
O foco deste tópico é o uso de espionagem apenas em circunstância que promove justiça. Sendo assim, escuta em flagrante preparado é ilegal; agora, se o crime já existia e houve apenas produção de prova do crime, então a escuta é legal.

As câmeras são muito ausentes em dois itens muito roubados no Brasil: smartphone e carro. Nos smartphones, as câmeras só funcionam como sistema antifurto eficaz em contexto de aplicativos de espionagem, coisa que a maioria das pessoas não tem. Em carros, só uma pequena parcela dos seus proprietários usam câmera como recurso antifurto.
Huxley, você é maluco.

Outro dia montou uma discussão comigo batendo pé que aplicativo de espionagem não serve pra nada como sistema antifurto.

Agora diz isso.
Você interpretou errado. As proposições que fiz sobre a inutilidade daquele tipo de aplicativo não tinham cunho universalista, elas só serviam para aquela circunstância específica tratada em parte daquele tópico. Elas não são utilmente extrapoláveis para casos em que a pessoa usa o smartphone como câmera de vigilância residencial improvisada ou espião de babá que maltrata o bebê da família, por exemplo. Também não é utilmente extrapolável para quem tem iPhones, pois os mesmos têm recursos que tornam quase impossível um assaltante resetá-lo - graças a tela de bloqueio do iCloud e ao Modo Perdido da Apple que funciona até off-line. E, no que se refere a iPhones lançados de 2018 para cá, também existem recursos que tornam quase impossível o ladrão desligar os dados móveis (4G) ou o próprio aparelho - graças ao eSIM que impossibilita remoção de chip e ao bloqueio de tela do recurso “Acesso Restrito”. Já no tópico mencionado acima, o foco da discussão foi o caso da perda de um smartphone com sistema operacional Android.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 2580
Registrado em: Ter, 11 11America/Sao_Paulo Fevereiro 11America/Sao_Paulo 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Pedro Reis escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 09:08 am
No entanto escutas são ilegais e não podem ser usadas como prova em um processo.
A menos que você grave sua própria conversa com outra pessoa.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Huxley escreveu:
Sáb, 09 09America/Sao_Paulo Janeiro 09America/Sao_Paulo 2021 - 00:29 am
Pedro Reis escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 22:46 pm
Huxley escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 11:53 am
Pedro Reis escreveu:
Sex, 08 08America/Sao_Paulo Janeiro 08America/Sao_Paulo 2021 - 09:08 am
Huxley escreveu:
Sáb, 02 02America/Sao_Paulo Janeiro 02America/Sao_Paulo 2021 - 22:17 pm
Não é mais coisa apenas de ricos ou de filmes da franquia 007 ou Missão Impossível. Hoje em dia, está relativamente fácil para o indivíduo comum provar intenções antiéticas ou criminosas de alguém usando dispositivos eletrônicos intensivos em tecnologia de espionagem, inclusive podendo prevenir uma infração somente por tê-los. São exemplos de bens do tipo que mencionei:

Escuta
Mini-Câmera
Câmera com monitoramento em tempo real (seja de smartphone ou não)
Rastreador de localização (inclusive os que funcionam off-line, seja de smartphone ou não)
Disfarces de espionagem para os bens acima como caneta, carregador, pingente, pendrive, porta retrato, etc.

Porque esses bens não são mais populares (sobretudo em países mais violentos em que as pessoas desconfiam da qualidade da investigação policial)? Existem inconvenientes demais em tê-los ou simplesmente é falta de visão das pessoas?
As câmeras já são onipresentes. Alarmes também.

No entanto escutas são ilegais e não podem ser usadas como prova em um processo.
O foco deste tópico é o uso de espionagem apenas em circunstância que promove justiça. Sendo assim, escuta em flagrante preparado é ilegal; agora, se o crime já existia e houve apenas produção de prova do crime, então a escuta é legal.

As câmeras são muito ausentes em dois itens muito roubados no Brasil: smartphone e carro. Nos smartphones, as câmeras só funcionam como sistema antifurto eficaz em contexto de aplicativos de espionagem, coisa que a maioria das pessoas não tem. Em carros, só uma pequena parcela dos seus proprietários usam câmera como recurso antifurto.
Huxley, você é maluco.

Outro dia montou uma discussão comigo batendo pé que aplicativo de espionagem não serve pra nada como sistema antifurto.

Agora diz isso.
Você interpretou errado. As proposições que fiz sobre a inutilidade daquele tipo de aplicativo não tinham cunho universalista, elas só serviam para aquela circunstância específica tratada em parte daquele tópico. Elas não são utilmente extrapoláveis para casos em que a pessoa usa o smartphone como câmera de vigilância residencial improvisada ou espião de babá que maltrata o bebê da família, por exemplo. Também não é utilmente extrapolável para quem tem iPhones, pois os mesmos têm recursos que tornam quase impossível um assaltante resetá-lo - graças a tela de bloqueio do iCloud e ao Modo Perdido da Apple que funciona até off-line. E, no que se refere a iPhones lançados de 2018 para cá, também existem recursos que tornam quase impossível o ladrão desligar os dados móveis (4G) ou o próprio aparelho - graças ao eSIM que impossibilita remoção de chip e ao bloqueio de tela do recurso “Acesso Restrito”. Já no tópico mencionado acima, o foco da discussão foi o caso da perda de um smartphone com sistema operacional Android.
A moderação poderia apagar meu último post do tópico "Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?" e substituir por esse acima? Os posts são quase iguais, a única diferença é que esse post aí acima está com os erros de acentuação corrigidos.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Gabarito
Site Admin
Mensagens: 840
Registrado em: Seg, 02 02America/Sao_Paulo Março 02America/Sao_Paulo 2020 - 06:49 am

Mensagem por Gabarito »

Huxley escreveu:
Sáb, 09 09America/Sao_Paulo Janeiro 09America/Sao_Paulo 2021 - 11:15 am
A moderação poderia apagar meu último post do tópico "Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?" e substituir por esse acima? Os posts são quase iguais, a única diferença é que esse post aí acima está com os erros de acentuação corrigidos.
Eu fiz as duas correções de erro de acentuação na postagem referida.
Não seria adequado apagá-la para não quebrar a sequência e o histórico de postagens.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Como é feita a perícia digital legal em celular para achar informações que até o dono tenta esconder:

https://www.uol.com.br/tilt/reportagens ... /index.htm

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 1699
Registrado em: Sáb, 21 21America/Sao_Paulo Março 21America/Sao_Paulo 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Não sei se se encaixa exatamente nesse tópico, mas houve um megavazamento de dados de várias pessoas e um especialista (CEO - PSafe) mencionou até uso de IA em ataques, invasões, etc:


Brasil está despreparado, diz CEO de empresa que descobriu megavazamento

Spoiler:
Em dois meses, dois megavazamentos de dados privados assustaram o Brasil. Em janeiro, veio à tona a exposição na internet de 223 milhões de CPFs de pessoas vivas e falecidas. Agora, veio à tona o vazamento de quase 103 milhões de registros de celulares.

Os dois casos foram descobertos pela empresa de segurança cibernética PSafe. Para Marco DeMello, CEO da PSafe, esses megavazamentos evidenciam que o mundo vive nada menos que duas pandemias: uma de covid-19 e outra "de ciberataques".

O Brasil, segundo ele, ainda sofre com a desvantagem de estar mais despreparado que a maioria dos países.

"O Brasil tem uma defasagem muito grande entre a sua posição econômica e a sua posição em termos de cibersegurança. É a 8ª maior economia e o penúltimo, dentre 47 países monitorados, em velocidade de detecção de vazamento de dados", diz DeMello em entrevista à repórter Nathalia Passarinho, da BBC News Brasil.

Alguns comentários:



mundotv 789123
1 dia atrás
Um vazamento tão grande assim deveriam fazer uma forma de resetarem ou trocare cpfs de pessoas, ou desenvolverem um sistema de identificação mais seguro, acho idiota com uma única sequência númerica e alguns outros dados possam destruir a vida de alguém, deveria ter um número público um qr code privado, o número seria para identificação e o qr para cadastros evitando vazamentos, claro que deve ser pensando bem mas esse sistema tem que ser modificado, se n conseguem conter os vazamentos tentem pelo menos conter os danos que eles causam
Marciel Bourguignon
1 dia atrás (editado)
Ponto um: certamente as Instituições Federais devem ter contrato com alguma empresa de segurança digital, quais as qualificações dessas empresas?.
Ponto dois: As empresas de telefonia são empresas multinacionais, isto é, a segurança que aplicam no Brasil é diferente em quais pontos das que elas oferecem em outros países?




youtu.be/bf0cCNHSsig

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

A NEFASTA e ASQUEROSA classe política brasileira resolveu agir contra o uso de provas incriminatórias obtidas por meios eticamente aceitáveis...

“Adolescente gravou abuso de pastor, mas o Congresso Nacional invalidou esse tipo de prova”:
https://www.oantagonista.com/brasil/ado ... -de-prova/

“Os parlamentares que impediram o uso de gravações contra criminosos”:
https://www.oantagonista.com/brasil/os- ... riminosos/

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Pedro Reis
Mensagens: 718
Registrado em: Ter, 24 24America/Sao_Paulo Março 24America/Sao_Paulo 2020 - 11:28 am

Mensagem por Pedro Reis »

Huxley escreveu:
Qua, 21 21America/Sao_Paulo Abril 21America/Sao_Paulo 2021 - 22:47 pm
A NEFASTA e ASQUEROSA classe política brasileira resolveu agir contra o uso de provas incriminatórias obtidas por meios eticamente aceitáveis...

“Adolescente gravou abuso de pastor, mas o Congresso Nacional invalidou esse tipo de prova”:
https://www.oantagonista.com/brasil/ado ... -de-prova/

“Os parlamentares que impediram o uso de gravações contra criminosos”:
https://www.oantagonista.com/brasil/os- ... riminosos/
O STF vai barrar.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Pedro Reis
Mensagens: 718
Registrado em: Ter, 24 24America/Sao_Paulo Março 24America/Sao_Paulo 2020 - 11:28 am

Mensagem por Pedro Reis »

Para eles é perfeito. Ninguém mais pode gravar político recebendo propina.

Isso mostra o nível de comprometimento do senado e congresso.

Mas o STF não vai permitir.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 1699
Registrado em: Sáb, 21 21America/Sao_Paulo Março 21America/Sao_Paulo 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Falando em gravações e política, tem um suposto ex-motorista do Kajuru que gravou fala dele. O Kajuru que gravou conversa agora teria sido gravado (apesar da suposta voz do Kajuru ter sido ). Não sei se seria alguma retaliação ao Kajuru usando ex-motorista dele pra desacreditar ele por ele ter gravado conversa com o Bozo.

EX-MOTORISTA DE KAJURU GRAVA CONVERSA ENTRE ELES E JOGA NA INTERNET


youtu.be/Vq3l8f4UbmI

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Eu esqueci de mencionar a utilidade na segurança da tecnologia de autoespionagem para SOS e avisos aos contatos de emergência:


youtu.be/0topx5u0Eps


youtu.be/HEypt3v5Zzw

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 2580
Registrado em: Ter, 11 11America/Sao_Paulo Fevereiro 11America/Sao_Paulo 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Imagem

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 1699
Registrado em: Sáb, 21 21America/Sao_Paulo Março 21America/Sao_Paulo 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Agora uma pergunta inversa:

Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos SEGURO

Pégasus (vírus eletrônico)

https://pt.wikipedia.org/wiki/P%C3%A9ga ... C3%B4nico)

Pegasus: spyware é usado por governos para monitorar jornalistas

https://www.tecmundo.com.br/seguranca/2 ... listas.htm


Spyware Pegasus era usado contra jornalistas e opositores


youtu.be/4n2unActg08


Espião Pegasus infecta Android e iPhone. Saiba tudo sobre ele – TecMundo
Off_topic:
os telefones infectados dados vazados
fotos vídeos e mensagens de texto
disponíveis para leitura e tudo isso
causado por um espião tem nome de uma
figura mitológica e de uma constelação
do Hemisfério Norte estamos falando dele
o Pegasus um espião de celulares que
existe há muito mais tempo que você
imagina Mas voltou às manchetes nas
últimas semanas e claro que evidenciando
o seu uso de uma maneira muito perigosa
Olá meus amigos e minhas amigas do
Tecmundo Hoje vamos falar sobre spyware
Pegasus um vírus espião que é
costumeiramente utilizado por governos
autoritários para roubar informações e
acompanhar a vida de jornalistas
ativistas e até políticos contrários
Você pode até pensar que isso não tem
nada a ver com você e que você não pode
ser afetado pelo pegas Bom sinto lhe
dizer mas isso pode ser uma falsa
sensação de segurança e eu pega já deu
as caras no Brasil
a notícia pela primeira vez em 2017
segundo um relatório da empresa de
segurança e sete ele foi descoberto
enquanto era usado para espionarem
jornalistas e defensores dos direitos
humanos e ativistas anticorrupção ou
seja nada mudou na época o Pegasus foi
encontrado em 43 países e também no
Brasil o spyware que é um vírus espião é
desenvolvido por uma empresa chamada
grupo e nem sou de Israel de acordo com
ele é sou o Pegasus foi desenvolvido
para ajudar governos e autoridades
policiais a combater o terrorismo a
corrupção e até possíveis redes
phedophilia Na verdade até os dias de
hoje o grupo aí nós sou afirma que esse
é o motivo da existência do Pegasus e
seu uso foi desde virtuado por outro
lado especialistas de segurança tem
comentário que com governos autoritários
usando o seu software de maneira esposa
o grupo é só ou tem alguma
responsabilidade sim principalmente
porque a venda aconteceu e o grupo
ganhou o dia
o uso que a gente pudesse resumir Seria
algo como Olha só nós estamos vendendo
para você essa tabela arma mas se você
atirar em algum Inocente a culpa não é
Nossa para voltar às manchetes o pega os
agora foi encontrado em uma nova lista
de 50 mil número de telefones espionados
de acordo com a Anistia Internacional
bom hoje o TecMundo trouxe o pesquisador
de segurança Igor com para trazer
algumas informações mais técnicas para
vocês talvez você se lembre do Igor já
que ele participou do nosso vídeo aqui
aqui Como proteger o seu celular de
ataque mal que é sabido a uma entraram
smartphone o Pegasus consegue acessar
tudo como se fosse outra pessoa mexendo
no seu celular e no final das contas é o
Pegasus assim como outros softwares
maliciosos que a gente diz né Ele é um
Mauer and malicious software então
basicamente ele é um software no
programa de computador que é responsável
por causar alguns malefícios
eu tive que atacado seja um celular seja
um computador no caso do pega do
especificamente ele tá muito focado nos
dispositivos iOS nos dispositivos
Androids o mal e normalmente ele vem com
uma intenção associada a ele quando um
criminoso fabricante de mal é cria o
Mauri especificamente existe algumas
intenções novamente a intenção trazer
algum benefício financeiro para o
atacante ou então fazer algum roubo de
dados de informações que pode ser usado
Ele de acordo com o interesse de quem
desenvolveu né quando a gente fala de
Maurice que infectam dispositivos
especificamente o impacto é muito amplo
já que um software malicioso ele é
infectou ali um dispositivo ele pode
fazer o quê o que ele quiser porque a
gente tá falando aí de um programa que
tem controle de um celular controle de
dispositivos Então ele pode desde abrir
uma câmera por exemplo abrir o áudio
para fazer uma gravação do áudio na sala
ele pode apresentar tirar print do
celular então pode fazer tirar print de
conversas no WhatsApp ele pode tirar
print de conversas telegram
o signo Então ele pode fazer tudo like
novamente usuário faz eu vou relatório
do Citizen Lab laboratório
interdisciplinar baseado na Escola
Mangue de assuntos globais da
Universidade de Toronto no Canadá e pega
os costuma aparecer em países com
registros duvidosos relacionados a
comportamentos abusivos em matéria de
direitos humanos pelos serviços da
segurança na lista mais recente o jornal
britânico the guardian afirma que o
governo de 50 países estão usando pega
entre eles Marrocos Azerbaijão e México
o espanhol era também já Foi notado por
aqui umas luzes o efetivo pelo governo
ainda é uma questão que vamos tratar
daqui a pouco o Pegasus assim como eu
quero outro tipo de mal e ele precisa de
um vetor de ataque que a gente fala os
mais comuns são os próprios usuários
quando você envia um sms via WhatsApp
envie o link por e-mail e a pessoa clica
ali e ela de alguma forma interage lei
com algum programa alguma coisa que
instala no celular e aí então faz
a ação de algumas mulheres habilidades
conhecidas né que a gente coloca assim o
caso do Pegasus ele é muito interessante
porque ele não necessariamente precisa
dessa interação do usuário para mim
conseguir infectar o dispositivo ali se
a gente for parar para analisar como
essas coisas acontecem assim
fundamentalmente falando a gente vai
encontrar a palavra bugue né O que é um
bugue Band basicamente ele é um problema
que existe um código né no caso de um
código de um programa ou algo nesse
sentido que pode ser ou não um plano de
segurança os mais comuns que a gente ver
saindo no dia a dia podem tiver aquelas
pessoas falando assim né Atualize o seu
Android Atualize o seu iPhone
basicamente esses bancos aí Normalmente
eles causam compromete a performance
algum problema que o celular trava algum
problema que causa um mau uso no celular
esses bancos especificamente eles não
possuem tanta autoridade como um banco
de segurança que o banco de segurança o
que ele pode possibilitar aí a um
atacante é ter acesso ao celular existe
um conceito que a gente chama que a
conserto de bugs
é o primeiro habilidades ir odeio que
basicamente algum grupo de pesquisadores
alguma pessoa específica ela encontra o
bug em que a fabricante a fabricante do
Android por exemplo a fabricante do
WhatsApp o fabricante do Facebook não
tem conhecimento portanto se não tem
conhecimento não possui uma correção
para essa finalidade específica e o
Pegasus ele faz uso dessa serão deles né
a gente conhece Hoje em dia as empresas
como Google Facebook elas pagam para
pesquisadores procurar em suas
modalidades e recortar para elas só que
existe um mercado paralelo a essas
vulnerabilidades que a gente isso
recortadas e são empresas privadas que
ela o governos que compram essas
modalidades e eu dei para fazer o uso
por exemplo para casos como Pegasus que
basicamente é um software malicioso que
tem ele no seu escopo de armamento ali
essas habilidades eu odeio e quando a
gente fala de vulnerabilidades de
Oliveiras de 0 a gente tem um impacto
maior
E essas novidades elas podem trazer ele
para o atacante uma forma de não
necessariamente precisar de uma
interação do usuário então por exemplo a
gente tem um caso e abusar nos atuais
para o caso do FaceTime né que ficou bem
conhecido entre os atacantes ele se
conseguiu ali através de algumas ações
ali com o celular da vítima como a
ligação Por exemplo algo nesse sentido
fazer em uma execução de um código
malicioso né E isso não necessariamente
precisava de interação dos olhos às
vezes era só uma ligação alguma coisa
nesse sentido que você conseguir ali
realmente fazer o celular mesmo tá um
código malicioso né então existe uma
classe de bugs de segurança específica
que você consegue fazer o celular até
comportamentos maliciosos sem precisar
tem pela ação do usuário isso é muito
perigoso Porque como que os olhos ele
vai ter uma consciência do comportamento
é inseguro dele sendo que esse
comportamento inseguro necessário para
que uma ação é maléfica seja feito ali
hoje o mundo recheado de sistemas
operacionais da Apple com IOS bate na
tecla que a fabricante com o sistema
mais seguro
e já o Android mais adotado pelos
usuários de smartphones costuma sofrer
mais quando falamos em saiba crime mesmo
assim ambos podem ser atacados pelo
Pegasus existe a diferença do que a
gente conhece como cvs né E são
basicamente as modalidades eles
exploraram aí é para conseguir ter esse
acesso podem como está falando de
sistemas operacionais diferentes o
Android ou iOs a próxima diferentes a
diferença diferença técnica né E como
você vai explorar e sistema operacional
para que você consiga fazer o mal rodar
dentro um dos casos mais emblemáticos
que o pega nos foi usado aconteceu em
2018 governo da Arábia Saudita teria
usados Palio era para investigar e
rastrear o jornalista Jamal cachog e
acabou assassinado esquartejado no
consulado Saudita em Istambul na Turquia
na época o modus Operandi de Defesa do
grupo era só foi praticamente o mesmo de
hoje alegando que eles não tem qualquer
relação com o uso do Pegasus para
espionagem de jornalistas e políticos
e mesmo assim a gente fica com aquela
sensação pega os deve ser a ferramenta
biolagem mais perfeita já criada Isso é
uma afirmação assim que não é possível a
gente fazer né hoje eu pego ele apareceu
ele apareceu o dinheiro de alguns anos
atrás para cá ele já vem causando
problema né em alguns anos a gente
conhece ele só que a gente não consegue
afirmar isso porque desde o caso do
Snowden por exemplo e até esses casos
recentes a gente entende que as agências
de inteligência mundiais elas possuem
todo um ferramental para fazer
espionagens a nível Global sim então
pega os é um caso que tá aparecendo hoje
na mídia mas com certeza que em diversos
casos aí de espionagem de softwares
instalados na função Lux várias pessoas
e incorporações a gente não tem
conhecimento então talvez seja o spyware
Né o software espião é mais eficaz que a
gente conheço mas não o mais eficaz que
exista é preciso voltar aqui se você se
preocupa com a democracia do seu país
que opiniões divergentes possam
coexistir
se você precisa lutar contra ferramentas
e ações autoritárias e de espionagem e
ainda assim é preciso lembrar que sua
privacidade não está ameaçada apenas
pelo pega Aliás o Pegasus talvez sejam
dos tiros mais longo de algo que possa
infectar o seu aparelho Principalmente
quando falamos sobre Mauer ransom Wars e
outros tipos de vírus que infectam o seu
aparelho quando a gente fala de mal é
mau é uma classificação para diversos
tipos de software malicioso que a gente
encontra né dentro disso a gente tem
próximo Systems pai o existem diversos
tipos de classificação de Maurice e
encontra né quando a gente fala
especificamente de celular normalmente a
intenção ou é espionagem ou é roubar
algum dado específico não tava de cartão
de crédito que você vai usar uma foto
sua que você possa tirar isso pode ser
usado para chantagem após isso né tendo
a IOS ou Android você pode ser infectado
por malwares com intenções de espionagem
ou então de roubar algum dado seu para
algum lugar
a fazer algo nesse sentido isso que
ainda nem falamos sobre privacidade um
tema delicado que para muitos
especialistas algo já até um tópico Em
uma sociedade inserido em redes sociais
como a nossa afinal se você está na
internet você provavelmente não tem
muita pior cidade Google Apple Samsung
Facebook Instagram YouTube WhatsApp
Snapchat Gmail é tanto aplicativo e
tanto site que orbitam a sua vida que a
sua privacidade acaba ficando
fragilizada eu acho que a gente possui
um livro de privacidade sim mas eu acho
que as pessoas não estão conscientes
sobre o que fazer para manter esse tipo
de privacidade quando a gente olha por
exemplo para as redes sociais
basicamente que a gente faz aqui que
fornece informações para rede social
para trabalhar em segundos nossos
interesses nossos gostos pessoais até
das nossas ideias Nossa nosso perfil
comportamental no dia a dia né então
gente fornece dados eles trabalham em
cima disso para mapear as nossas nossas
características nos como colocar assim
só que por outro lado existe onde
não existe coisas que as pessoas não
conhecem que dificilmente elas vão
conseguir evitar né Por exemplo a gente
tem diversos tipos de vazamentos e que
acontece anualmente Então até onde isso
aí a gente pode colocar como forro de
privacidade né porque quando você pega a
população em geral elas não sabem que
existe um site onde você pode colocar o
e-mail de uma pessoa e consegui a cena o
vazamento dela eu sei aí o que que essa
pessoa vai fazer para isso se ele tá nem
tem consciência que isso existe então
assim quando a gente fala de internet
privacidade é uma coisa muito difícil a
gente entender que a privacidade existe
eu acredito assim que a privacidade ela
é uma análise de risco que você faz até
onde você quer se expor até onde são os
benefícios expondo até onde você aceita
os riscos só que para você aceitar os
isso você precisa saber esses riscos
você está na internet é uma troca que
você faz de ter privacidade ou não mas
não estando consciente em relação a isso
é dos benefícios e doces que você corre
você só vai jogando informação e aí
chega uma hora que você percebe que a
casa caiu né e é o problema você já deve
ter o
o ar do nome de Edward Snowden
ex-analista da NSA que revelou o esquema
de vigilância Mundial conhecido como
crise nesse esquema ele já incluiu o
nome dessas grandes empresas de
tecnologia relacionadas a problemas de
privacidade sobre o Pegasus esmalte
também deu seus 50 centavos e comentou a
proibição de seu uso os pais seria um
ataque direto a nossa privacidade mais
perigoso até que as próprias redes
sociais quando a gente fala de rede
social a gente fala de pessoas que estão
basicamente aceitando um termo de certa
forma né Elas estão se cadastrando ali
colocando as informações delas o
problema da rede social que a gente não
sabe como informação usada mas eu não
sei que coloca a foto aí você coloca o
nome você falou que sua opinião Aí você
coloca as coisas ali você tem uma
escolha consciente ali de colocar as
informações porém você não tem uma
escolha de como essas informações elas
são usadas quando é que fala do Pegasus
especificamente a gente está falando de
exploração de vulnerabilidade a língua
de rápido mesmo então assim se caso por
exemplo a agência conseguisse uma van
e em que você não precisa de interação
de usuário você consegue acessar todos
os positivos do número a parte de bebês
por exemplo que são os endereços hábitos
positivos na internet né ou então do
número de telefone isso seria um
problema maior do que a gente tem nas
redes sociais hoje só que isso não é o
que acontece o pega os especificamente
com a gente olha para esses Casos eles
são muito restritos os dedos não é de
pau que eu tenho acesso porque eu
esqueci transpascon sem acesso isso é
vendido por milhão de dólares então
Normalmente quando a pessoa chega e ao
esforço ali desenvolveu o mal eu desço
uma aplicação dessa novamente um jogo de
milhões de dólares e ela vai vender para
ela por menos específicos ou para
empresa específicas que tem interesses
específicos em usar isso então na minha
visão é eu acho que as redes sociais
ferem mais a privacidade da pessoa do
que eu pego porque eu pego as
especificamente foi usado para casos
específicos não é uma bazuca que vai ser
tirada no mundo inteiro e sim Sniper que
vai ser tirado para interesses
específicos enfim chegamos ao Brasil a
presença dele por aqui em celulares de
brasileiros
é confirmada pelo pessoal da empresa de
segurança e sete lá em 2017 e até hoje
nos últimos meses outra polêmica surgiu
o governo brasileiro teria tentado
comprar a tecnologia israelense biolage
uma licitação para isso chegou a ser
aberta pelo Ministério da Justiça e
dedicavam valor de 25 milhões de reais
para aquisição de uma ferramenta de
busca e consulta de dados segundo o UOL
Quem estava por trás dessa compra seria
o filho do presidente Jair bolsonaro o
vereador carioca Carlos bolsonaro aliás
essa compra teria gerado uma tensão no
governo que Carlos estaria articulando
para remover entidades de segurança na
licitação como a brinque agência
Brasileira de inteligência e o GPS o
gabinete de segurança institucional a
ideia do governo brasileiro segundo
wall-e é de encontro com as de governos
autoritários que tiveram suas parcerias
reforçadas nos últimos anos como Arábia
Saudita a mesma que matou esquartejou
Jamal cachog a ideia seria expandir um
grupo para
a inteligência do governo tanto existiu
a intenção que a licitação chegou a ser
aberta e a participação do grupo e não é
sou desenvolvedor do Pegasus chegou a
ser confirmada no pregão eletrônico por
fontes do Sistema Brasileiro de
inteligência os vim depois da
repercussão negativa o e né sou desistiu
da legislação e o vereador Carlos
bolsonaro foi até as redes sociais
negaram o assunto e zoar dizendo que o
único pega os que lhe conhecia eram de
um personagem de um desenho animado mas
falando de Pegasus até agora já parou
para pensar se você pode ser um alvo o
pé dos especificamente ele faz uso de
vulnerabilidades de rodeio e ele faz os
livros habilidades que não necessitam de
interações do usuário quando você está
exposto a esse tipo de ataque não tem
como se proteger a não ser que você faz
o seguinte não sei se pega os
computadores seu celular você joga
dentro de um vulcão E aí você nunca mais
se conecte à internet e nada né então é
seria a forma se proteger disso
o dispositivo móvel conectado na
internet existindo ameaças escola
vulnerabilidades no município de
interação do usuário você pode ser um
alvo alvo a qualquer momento a questão é
quem está disposto e quanto estão
disposto a colocar para conseguir acesso
às informações então se você é uma
pessoa de interesse de um governo que se
você tá num país e fazendo ações que
interessa algum governo e você está
exposta esse tipo de risco você não tem
nada o que fazer você sumir que é
basicamente você pegar o celular
computador jogar fora eu não tô querendo
vender o medo mas Tecnicamente falando É
muito difícil você prever isso acontece
com você quando o nível técnico é tão
excelente como no caso de se isso esses
moldes que tiver por aí ou seja defesa
em camadas ainda é o melhor caminho para
sobreviver de maneira segura na internet
aquela defesa que você sobe um muro aqui
outra ponte ali e dessa forma o seu
computador o celular exige que um saiba
criminoso tomem muitos Passos até
conseguir qualquer dado sensível quando
a gente fala
a França a gente fala de camadas né
Maurício em geral quando ele se infectam
alguns positivo eles não possuem essa
técnica específica de você tem uma
vulnerabilidade que não esqueça de
interação do usuário isso não é algo
comum é algo que demanda um tempo de
pesquisa muito alto tem um custo muito
alto para você desenvolver isso quando a
gente fala de mal normalmente infecção é
feito ou interação de usuário através de
um e-mail algo específico ou da pessoa
viu o atacante tá direto ao dispositivo
que ele quer ele quer e que tá por
exemplo poderia te rouba o celular ele
conseguia essa conta ver fisicamente
normalmente assim que acontece você
baixa um vírus ou Você pinta o link você
dá acesso ao usuário ao atacante para
que ele consiga realmente é infectar o
seu computador e para isso existe duas
proteções porque esses padrões Mauro em
geral assim se fosse algumas assinaturas
que os antivírus Normalmente eles
conseguem proteger contra isso isso
gente tá falando uma camada de maus né
de softwares maliciosos quando a gente
fala por exemplo de proteções de rede
o jogo muda um pouco porque ele está
falando por exemplo de interceptação de
tráfego né quando você usa o celular do
hotel por exemplo você tá mandando um
dado no seu celular para normalmente um
servidor se fosse do Facebook o nesse
sentido e você precisa proteger essa
conexão a gente usa uma ferramenta
chamada de TPM né para fazer essa
proteção que basicamente vai emparelhar
os dados entre o seu celular e o
servidor de destino né E aí é evidente
geração de dados por governo por
empresas por atacante coisa nesse
sentido e também tem a sua proteção
pessoal né as suas senhas por exemplo
envolve isso modo como você usa fazer um
pouco para fazer aplicação envolve isso
e como encher a sabe existem diversos
vazamentos acontece no dia a dia então
quando se só se no Linkedin vazou por
exemplo 2015/2016 e agora depois de
alguns anos você continua na mesma assim
diversas coisas você realmente o
atacante ele vai ter essa senha e ele
vai ali consegui acessar as coisas que
você os lugares que você usa essa mesma
senha Então você precisa ter essa
consciência de si
E aí como você tá ameaças funciona para
que você conseguiu colocar as
ferramentas necessárias para se proteger
ele no caso de um governo querendo dar
essas informações aí já não tem o que
fazer mesmo
o antivírus é importante junto com
ferramentas apropriadas cofre de senhas
e aplicativos de autenticação mas só
isso não basta precisamos aprender o que
é privacidade E por que ela é importante
para todos nós a partir deste ponto
podemos juntos entender que a
privacidade online significa não só que
suas fotos e mensagens estão seguras mas
que a nossa sociedade toma um caminho
mais justo igualitário e democrático ...

youtu.be/S5KLD0EYsMA

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Agnoscetico escreveu:
Dom, 25 25America/Sao_Paulo Julho 25America/Sao_Paulo 2021 - 20:48 pm
Agora uma pergunta inversa:

Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos SEGURO

Pégasus (vírus eletrônico)

https://pt.wikipedia.org/wiki/P%C3%A9ga ... C3%B4nico)

Pegasus: spyware é usado por governos para monitorar jornalistas

https://www.tecmundo.com.br/seguranca/2 ... listas.htm


Spyware Pegasus era usado contra jornalistas e opositores


youtu.be/4n2unActg08


Espião Pegasus infecta Android e iPhone. Saiba tudo sobre ele – TecMundo
Off_topic:
os telefones infectados dados vazados
fotos vídeos e mensagens de texto
disponíveis para leitura e tudo isso
causado por um espião tem nome de uma
figura mitológica e de uma constelação
do Hemisfério Norte estamos falando dele
o Pegasus um espião de celulares que
existe há muito mais tempo que você
imagina Mas voltou às manchetes nas
últimas semanas e claro que evidenciando
o seu uso de uma maneira muito perigosa
Olá meus amigos e minhas amigas do
Tecmundo Hoje vamos falar sobre spyware
Pegasus um vírus espião que é
costumeiramente utilizado por governos
autoritários para roubar informações e
acompanhar a vida de jornalistas
ativistas e até políticos contrários
Você pode até pensar que isso não tem
nada a ver com você e que você não pode
ser afetado pelo pegas Bom sinto lhe
dizer mas isso pode ser uma falsa
sensação de segurança e eu pega já deu
as caras no Brasil
a notícia pela primeira vez em 2017
segundo um relatório da empresa de
segurança e sete ele foi descoberto
enquanto era usado para espionarem
jornalistas e defensores dos direitos
humanos e ativistas anticorrupção ou
seja nada mudou na época o Pegasus foi
encontrado em 43 países e também no
Brasil o spyware que é um vírus espião é
desenvolvido por uma empresa chamada
grupo e nem sou de Israel de acordo com
ele é sou o Pegasus foi desenvolvido
para ajudar governos e autoridades
policiais a combater o terrorismo a
corrupção e até possíveis redes
phedophilia Na verdade até os dias de
hoje o grupo aí nós sou afirma que esse
é o motivo da existência do Pegasus e
seu uso foi desde virtuado por outro
lado especialistas de segurança tem
comentário que com governos autoritários
usando o seu software de maneira esposa
o grupo é só ou tem alguma
responsabilidade sim principalmente
porque a venda aconteceu e o grupo
ganhou o dia
o uso que a gente pudesse resumir Seria
algo como Olha só nós estamos vendendo
para você essa tabela arma mas se você
atirar em algum Inocente a culpa não é
Nossa para voltar às manchetes o pega os
agora foi encontrado em uma nova lista
de 50 mil número de telefones espionados
de acordo com a Anistia Internacional
bom hoje o TecMundo trouxe o pesquisador
de segurança Igor com para trazer
algumas informações mais técnicas para
vocês talvez você se lembre do Igor já
que ele participou do nosso vídeo aqui
aqui Como proteger o seu celular de
ataque mal que é sabido a uma entraram
smartphone o Pegasus consegue acessar
tudo como se fosse outra pessoa mexendo
no seu celular e no final das contas é o
Pegasus assim como outros softwares
maliciosos que a gente diz né Ele é um
Mauer and malicious software então
basicamente ele é um software no
programa de computador que é responsável
por causar alguns malefícios
eu tive que atacado seja um celular seja
um computador no caso do pega do
especificamente ele tá muito focado nos
dispositivos iOS nos dispositivos
Androids o mal e normalmente ele vem com
uma intenção associada a ele quando um
criminoso fabricante de mal é cria o
Mauri especificamente existe algumas
intenções novamente a intenção trazer
algum benefício financeiro para o
atacante ou então fazer algum roubo de
dados de informações que pode ser usado
Ele de acordo com o interesse de quem
desenvolveu né quando a gente fala de
Maurice que infectam dispositivos
especificamente o impacto é muito amplo
já que um software malicioso ele é
infectou ali um dispositivo ele pode
fazer o quê o que ele quiser porque a
gente tá falando aí de um programa que
tem controle de um celular controle de
dispositivos Então ele pode desde abrir
uma câmera por exemplo abrir o áudio
para fazer uma gravação do áudio na sala
ele pode apresentar tirar print do
celular então pode fazer tirar print de
conversas no WhatsApp ele pode tirar
print de conversas telegram
o signo Então ele pode fazer tudo like
novamente usuário faz eu vou relatório
do Citizen Lab laboratório
interdisciplinar baseado na Escola
Mangue de assuntos globais da
Universidade de Toronto no Canadá e pega
os costuma aparecer em países com
registros duvidosos relacionados a
comportamentos abusivos em matéria de
direitos humanos pelos serviços da
segurança na lista mais recente o jornal
britânico the guardian afirma que o
governo de 50 países estão usando pega
entre eles Marrocos Azerbaijão e México
o espanhol era também já Foi notado por
aqui umas luzes o efetivo pelo governo
ainda é uma questão que vamos tratar
daqui a pouco o Pegasus assim como eu
quero outro tipo de mal e ele precisa de
um vetor de ataque que a gente fala os
mais comuns são os próprios usuários
quando você envia um sms via WhatsApp
envie o link por e-mail e a pessoa clica
ali e ela de alguma forma interage lei
com algum programa alguma coisa que
instala no celular e aí então faz
a ação de algumas mulheres habilidades
conhecidas né que a gente coloca assim o
caso do Pegasus ele é muito interessante
porque ele não necessariamente precisa
dessa interação do usuário para mim
conseguir infectar o dispositivo ali se
a gente for parar para analisar como
essas coisas acontecem assim
fundamentalmente falando a gente vai
encontrar a palavra bugue né O que é um
bugue Band basicamente ele é um problema
que existe um código né no caso de um
código de um programa ou algo nesse
sentido que pode ser ou não um plano de
segurança os mais comuns que a gente ver
saindo no dia a dia podem tiver aquelas
pessoas falando assim né Atualize o seu
Android Atualize o seu iPhone
basicamente esses bancos aí Normalmente
eles causam compromete a performance
algum problema que o celular trava algum
problema que causa um mau uso no celular
esses bancos especificamente eles não
possuem tanta autoridade como um banco
de segurança que o banco de segurança o
que ele pode possibilitar aí a um
atacante é ter acesso ao celular existe
um conceito que a gente chama que a
conserto de bugs
é o primeiro habilidades ir odeio que
basicamente algum grupo de pesquisadores
alguma pessoa específica ela encontra o
bug em que a fabricante a fabricante do
Android por exemplo a fabricante do
WhatsApp o fabricante do Facebook não
tem conhecimento portanto se não tem
conhecimento não possui uma correção
para essa finalidade específica e o
Pegasus ele faz uso dessa serão deles né
a gente conhece Hoje em dia as empresas
como Google Facebook elas pagam para
pesquisadores procurar em suas
modalidades e recortar para elas só que
existe um mercado paralelo a essas
vulnerabilidades que a gente isso
recortadas e são empresas privadas que
ela o governos que compram essas
modalidades e eu dei para fazer o uso
por exemplo para casos como Pegasus que
basicamente é um software malicioso que
tem ele no seu escopo de armamento ali
essas habilidades eu odeio e quando a
gente fala de vulnerabilidades de
Oliveiras de 0 a gente tem um impacto
maior
E essas novidades elas podem trazer ele
para o atacante uma forma de não
necessariamente precisar de uma
interação do usuário então por exemplo a
gente tem um caso e abusar nos atuais
para o caso do FaceTime né que ficou bem
conhecido entre os atacantes ele se
conseguiu ali através de algumas ações
ali com o celular da vítima como a
ligação Por exemplo algo nesse sentido
fazer em uma execução de um código
malicioso né E isso não necessariamente
precisava de interação dos olhos às
vezes era só uma ligação alguma coisa
nesse sentido que você conseguir ali
realmente fazer o celular mesmo tá um
código malicioso né então existe uma
classe de bugs de segurança específica
que você consegue fazer o celular até
comportamentos maliciosos sem precisar
tem pela ação do usuário isso é muito
perigoso Porque como que os olhos ele
vai ter uma consciência do comportamento
é inseguro dele sendo que esse
comportamento inseguro necessário para
que uma ação é maléfica seja feito ali
hoje o mundo recheado de sistemas
operacionais da Apple com IOS bate na
tecla que a fabricante com o sistema
mais seguro
e já o Android mais adotado pelos
usuários de smartphones costuma sofrer
mais quando falamos em saiba crime mesmo
assim ambos podem ser atacados pelo
Pegasus existe a diferença do que a
gente conhece como cvs né E são
basicamente as modalidades eles
exploraram aí é para conseguir ter esse
acesso podem como está falando de
sistemas operacionais diferentes o
Android ou iOs a próxima diferentes a
diferença diferença técnica né E como
você vai explorar e sistema operacional
para que você consiga fazer o mal rodar
dentro um dos casos mais emblemáticos
que o pega nos foi usado aconteceu em
2018 governo da Arábia Saudita teria
usados Palio era para investigar e
rastrear o jornalista Jamal cachog e
acabou assassinado esquartejado no
consulado Saudita em Istambul na Turquia
na época o modus Operandi de Defesa do
grupo era só foi praticamente o mesmo de
hoje alegando que eles não tem qualquer
relação com o uso do Pegasus para
espionagem de jornalistas e políticos
e mesmo assim a gente fica com aquela
sensação pega os deve ser a ferramenta
biolagem mais perfeita já criada Isso é
uma afirmação assim que não é possível a
gente fazer né hoje eu pego ele apareceu
ele apareceu o dinheiro de alguns anos
atrás para cá ele já vem causando
problema né em alguns anos a gente
conhece ele só que a gente não consegue
afirmar isso porque desde o caso do
Snowden por exemplo e até esses casos
recentes a gente entende que as agências
de inteligência mundiais elas possuem
todo um ferramental para fazer
espionagens a nível Global sim então
pega os é um caso que tá aparecendo hoje
na mídia mas com certeza que em diversos
casos aí de espionagem de softwares
instalados na função Lux várias pessoas
e incorporações a gente não tem
conhecimento então talvez seja o spyware
Né o software espião é mais eficaz que a
gente conheço mas não o mais eficaz que
exista é preciso voltar aqui se você se
preocupa com a democracia do seu país
que opiniões divergentes possam
coexistir
se você precisa lutar contra ferramentas
e ações autoritárias e de espionagem e
ainda assim é preciso lembrar que sua
privacidade não está ameaçada apenas
pelo pega Aliás o Pegasus talvez sejam
dos tiros mais longo de algo que possa
infectar o seu aparelho Principalmente
quando falamos sobre Mauer ransom Wars e
outros tipos de vírus que infectam o seu
aparelho quando a gente fala de mal é
mau é uma classificação para diversos
tipos de software malicioso que a gente
encontra né dentro disso a gente tem
próximo Systems pai o existem diversos
tipos de classificação de Maurice e
encontra né quando a gente fala
especificamente de celular normalmente a
intenção ou é espionagem ou é roubar
algum dado específico não tava de cartão
de crédito que você vai usar uma foto
sua que você possa tirar isso pode ser
usado para chantagem após isso né tendo
a IOS ou Android você pode ser infectado
por malwares com intenções de espionagem
ou então de roubar algum dado seu para
algum lugar
a fazer algo nesse sentido isso que
ainda nem falamos sobre privacidade um
tema delicado que para muitos
especialistas algo já até um tópico Em
uma sociedade inserido em redes sociais
como a nossa afinal se você está na
internet você provavelmente não tem
muita pior cidade Google Apple Samsung
Facebook Instagram YouTube WhatsApp
Snapchat Gmail é tanto aplicativo e
tanto site que orbitam a sua vida que a
sua privacidade acaba ficando
fragilizada eu acho que a gente possui
um livro de privacidade sim mas eu acho
que as pessoas não estão conscientes
sobre o que fazer para manter esse tipo
de privacidade quando a gente olha por
exemplo para as redes sociais
basicamente que a gente faz aqui que
fornece informações para rede social
para trabalhar em segundos nossos
interesses nossos gostos pessoais até
das nossas ideias Nossa nosso perfil
comportamental no dia a dia né então
gente fornece dados eles trabalham em
cima disso para mapear as nossas nossas
características nos como colocar assim
só que por outro lado existe onde
não existe coisas que as pessoas não
conhecem que dificilmente elas vão
conseguir evitar né Por exemplo a gente
tem diversos tipos de vazamentos e que
acontece anualmente Então até onde isso
aí a gente pode colocar como forro de
privacidade né porque quando você pega a
população em geral elas não sabem que
existe um site onde você pode colocar o
e-mail de uma pessoa e consegui a cena o
vazamento dela eu sei aí o que que essa
pessoa vai fazer para isso se ele tá nem
tem consciência que isso existe então
assim quando a gente fala de internet
privacidade é uma coisa muito difícil a
gente entender que a privacidade existe
eu acredito assim que a privacidade ela
é uma análise de risco que você faz até
onde você quer se expor até onde são os
benefícios expondo até onde você aceita
os riscos só que para você aceitar os
isso você precisa saber esses riscos
você está na internet é uma troca que
você faz de ter privacidade ou não mas
não estando consciente em relação a isso
é dos benefícios e doces que você corre
você só vai jogando informação e aí
chega uma hora que você percebe que a
casa caiu né e é o problema você já deve
ter o
o ar do nome de Edward Snowden
ex-analista da NSA que revelou o esquema
de vigilância Mundial conhecido como
crise nesse esquema ele já incluiu o
nome dessas grandes empresas de
tecnologia relacionadas a problemas de
privacidade sobre o Pegasus esmalte
também deu seus 50 centavos e comentou a
proibição de seu uso os pais seria um
ataque direto a nossa privacidade mais
perigoso até que as próprias redes
sociais quando a gente fala de rede
social a gente fala de pessoas que estão
basicamente aceitando um termo de certa
forma né Elas estão se cadastrando ali
colocando as informações delas o
problema da rede social que a gente não
sabe como informação usada mas eu não
sei que coloca a foto aí você coloca o
nome você falou que sua opinião Aí você
coloca as coisas ali você tem uma
escolha consciente ali de colocar as
informações porém você não tem uma
escolha de como essas informações elas
são usadas quando é que fala do Pegasus
especificamente a gente está falando de
exploração de vulnerabilidade a língua
de rápido mesmo então assim se caso por
exemplo a agência conseguisse uma van
e em que você não precisa de interação
de usuário você consegue acessar todos
os positivos do número a parte de bebês
por exemplo que são os endereços hábitos
positivos na internet né ou então do
número de telefone isso seria um
problema maior do que a gente tem nas
redes sociais hoje só que isso não é o
que acontece o pega os especificamente
com a gente olha para esses Casos eles
são muito restritos os dedos não é de
pau que eu tenho acesso porque eu
esqueci transpascon sem acesso isso é
vendido por milhão de dólares então
Normalmente quando a pessoa chega e ao
esforço ali desenvolveu o mal eu desço
uma aplicação dessa novamente um jogo de
milhões de dólares e ela vai vender para
ela por menos específicos ou para
empresa específicas que tem interesses
específicos em usar isso então na minha
visão é eu acho que as redes sociais
ferem mais a privacidade da pessoa do
que eu pego porque eu pego as
especificamente foi usado para casos
específicos não é uma bazuca que vai ser
tirada no mundo inteiro e sim Sniper que
vai ser tirado para interesses
específicos enfim chegamos ao Brasil a
presença dele por aqui em celulares de
brasileiros
é confirmada pelo pessoal da empresa de
segurança e sete lá em 2017 e até hoje
nos últimos meses outra polêmica surgiu
o governo brasileiro teria tentado
comprar a tecnologia israelense biolage
uma licitação para isso chegou a ser
aberta pelo Ministério da Justiça e
dedicavam valor de 25 milhões de reais
para aquisição de uma ferramenta de
busca e consulta de dados segundo o UOL
Quem estava por trás dessa compra seria
o filho do presidente Jair bolsonaro o
vereador carioca Carlos bolsonaro aliás
essa compra teria gerado uma tensão no
governo que Carlos estaria articulando
para remover entidades de segurança na
licitação como a brinque agência
Brasileira de inteligência e o GPS o
gabinete de segurança institucional a
ideia do governo brasileiro segundo
wall-e é de encontro com as de governos
autoritários que tiveram suas parcerias
reforçadas nos últimos anos como Arábia
Saudita a mesma que matou esquartejou
Jamal cachog a ideia seria expandir um
grupo para
a inteligência do governo tanto existiu
a intenção que a licitação chegou a ser
aberta e a participação do grupo e não é
sou desenvolvedor do Pegasus chegou a
ser confirmada no pregão eletrônico por
fontes do Sistema Brasileiro de
inteligência os vim depois da
repercussão negativa o e né sou desistiu
da legislação e o vereador Carlos
bolsonaro foi até as redes sociais
negaram o assunto e zoar dizendo que o
único pega os que lhe conhecia eram de
um personagem de um desenho animado mas
falando de Pegasus até agora já parou
para pensar se você pode ser um alvo o
pé dos especificamente ele faz uso de
vulnerabilidades de rodeio e ele faz os
livros habilidades que não necessitam de
interações do usuário quando você está
exposto a esse tipo de ataque não tem
como se proteger a não ser que você faz
o seguinte não sei se pega os
computadores seu celular você joga
dentro de um vulcão E aí você nunca mais
se conecte à internet e nada né então é
seria a forma se proteger disso
o dispositivo móvel conectado na
internet existindo ameaças escola
vulnerabilidades no município de
interação do usuário você pode ser um
alvo alvo a qualquer momento a questão é
quem está disposto e quanto estão
disposto a colocar para conseguir acesso
às informações então se você é uma
pessoa de interesse de um governo que se
você tá num país e fazendo ações que
interessa algum governo e você está
exposta esse tipo de risco você não tem
nada o que fazer você sumir que é
basicamente você pegar o celular
computador jogar fora eu não tô querendo
vender o medo mas Tecnicamente falando É
muito difícil você prever isso acontece
com você quando o nível técnico é tão
excelente como no caso de se isso esses
moldes que tiver por aí ou seja defesa
em camadas ainda é o melhor caminho para
sobreviver de maneira segura na internet
aquela defesa que você sobe um muro aqui
outra ponte ali e dessa forma o seu
computador o celular exige que um saiba
criminoso tomem muitos Passos até
conseguir qualquer dado sensível quando
a gente fala
a França a gente fala de camadas né
Maurício em geral quando ele se infectam
alguns positivo eles não possuem essa
técnica específica de você tem uma
vulnerabilidade que não esqueça de
interação do usuário isso não é algo
comum é algo que demanda um tempo de
pesquisa muito alto tem um custo muito
alto para você desenvolver isso quando a
gente fala de mal normalmente infecção é
feito ou interação de usuário através de
um e-mail algo específico ou da pessoa
viu o atacante tá direto ao dispositivo
que ele quer ele quer e que tá por
exemplo poderia te rouba o celular ele
conseguia essa conta ver fisicamente
normalmente assim que acontece você
baixa um vírus ou Você pinta o link você
dá acesso ao usuário ao atacante para
que ele consiga realmente é infectar o
seu computador e para isso existe duas
proteções porque esses padrões Mauro em
geral assim se fosse algumas assinaturas
que os antivírus Normalmente eles
conseguem proteger contra isso isso
gente tá falando uma camada de maus né
de softwares maliciosos quando a gente
fala por exemplo de proteções de rede
o jogo muda um pouco porque ele está
falando por exemplo de interceptação de
tráfego né quando você usa o celular do
hotel por exemplo você tá mandando um
dado no seu celular para normalmente um
servidor se fosse do Facebook o nesse
sentido e você precisa proteger essa
conexão a gente usa uma ferramenta
chamada de TPM né para fazer essa
proteção que basicamente vai emparelhar
os dados entre o seu celular e o
servidor de destino né E aí é evidente
geração de dados por governo por
empresas por atacante coisa nesse
sentido e também tem a sua proteção
pessoal né as suas senhas por exemplo
envolve isso modo como você usa fazer um
pouco para fazer aplicação envolve isso
e como encher a sabe existem diversos
vazamentos acontece no dia a dia então
quando se só se no Linkedin vazou por
exemplo 2015/2016 e agora depois de
alguns anos você continua na mesma assim
diversas coisas você realmente o
atacante ele vai ter essa senha e ele
vai ali consegui acessar as coisas que
você os lugares que você usa essa mesma
senha Então você precisa ter essa
consciência de si
E aí como você tá ameaças funciona para
que você conseguiu colocar as
ferramentas necessárias para se proteger
ele no caso de um governo querendo dar
essas informações aí já não tem o que
fazer mesmo
o antivírus é importante junto com
ferramentas apropriadas cofre de senhas
e aplicativos de autenticação mas só
isso não basta precisamos aprender o que
é privacidade E por que ela é importante
para todos nós a partir deste ponto
podemos juntos entender que a
privacidade online significa não só que
suas fotos e mensagens estão seguras mas
que a nossa sociedade toma um caminho
mais justo igualitário e democrático ...

youtu.be/S5KLD0EYsMA
Eu já estava coçando meus dedos para por esse vídeo acima. Porém, há uma faca de dois gumes aí. Acredito que muitas pessoas se esquecem que esses softwares espiões do nível do Pegasus, além de não poderem ser comprados por qualquer cracker pé-de-chinelo, também podem ser usados pela polícia para provar crimes de criminosos poderosos… “E quando o policial vira hacker”: https://www.internetlab.org.br/pt/priva ... ra-hacker/

Ademais, também existe a tecnologia de contraespionagem…“Anistia Internacional desenvolve software contra espionagem”: https://www.tudocelular.com/windows/not ... a-NSA.html

A questão da segurança sempre foi uma corrida armamentista sem fim. Algo só é uma vantagem estratégica para você se o seu inimigo não sabe da mesma ou não consegue aplicar adequadamente seu conhecimento dela para combater você.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 2580
Registrado em: Ter, 11 11America/Sao_Paulo Fevereiro 11America/Sao_Paulo 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

Espionagem sempre existiu e sempre existirá. Todos fazem e ninguém admite, fingindo se escandalizar quando outros são apanhados e negando até o fim quando são eles.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 1699
Registrado em: Sáb, 21 21America/Sao_Paulo Março 21America/Sao_Paulo 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 00:20 am
Eu já estava coçando meus dedos para por esse vídeo acima. Porém, há uma faca de dois gumes aí.
Sempre foi. Acaba sendo um mal-necessário, mas como não se sabe as intenções de quem criou e manipula, fica a dúvida: "Quem vigia os vigilantes?"

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 1699
Registrado em: Sáb, 21 21America/Sao_Paulo Março 21America/Sao_Paulo 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 00:20 am

Ademais, também existe a tecnologia de contraespionagem…“Anistia Internacional desenvolve software contra espionagem”:

https://www.tudocelular.com/windows/not ... a-NSA.html
Essa publicação é de 2014. Então não sei se essa tecnologia foi atualizada e serve no caso do Pegasus.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Agnoscetico escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 13:58 pm
Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 00:20 am
Eu já estava coçando meus dedos para por esse vídeo acima. Porém, há uma faca de dois gumes aí.
Sempre foi. Acaba sendo um mal-necessário, mas como não se sabe as intenções de quem criou e manipula, fica a dúvida: "Quem vigia os vigilantes?"
Essa pergunta só faz sentido numa monarquia absolutista e regimes assemelhados. Num regime político suficientemente descentralizado, diversos poderes públicos são independentes e com capacidade de se vigiar mutuamente. Agora, se o povo não se mobilizar politicamente para coibir abusos, então não há nada que salve mesmo, mesmo que esse povo viva numa democracia plena.
Editado pela última vez por Huxley em Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 19:25 pm, em um total de 2 vezes.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Agnoscetico escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 17:27 pm
Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 00:20 am

Ademais, também existe a tecnologia de contraespionagem…“Anistia Internacional desenvolve software contra espionagem”:

https://www.tudocelular.com/windows/not ... a-NSA.html
Essa publicação é de 2014. Então não sei se essa tecnologia foi atualizada e serve no caso do Pegasus.
Serve sim, pois o Pegasus não é invulnerável a softwares antispyware. O próprio Tecmundo noticiou que já desenvolveram um software próprio para encontrar vestígios do Pegasus: https://www.tecmundo.com.br/seguranca/2 ... pyware.htm

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 1699
Registrado em: Sáb, 21 21America/Sao_Paulo Março 21America/Sao_Paulo 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 18:49 pm
Agnoscetico escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 13:58 pm
Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 00:20 am
Eu já estava coçando meus dedos para por esse vídeo acima. Porém, há uma faca de dois gumes aí.
Sempre foi. Acaba sendo um mal-necessário, mas como não se sabe as intenções de quem criou e manipula, fica a dúvida: "Quem vigia os vigilantes?"
Essa pergunta só faz sentido numa monarquia absolutista. Num regime político descentralizado, diversos poderes públicos são independentes e com capacidade de se vigiar mutuamente. Agora, se o povo não se mobilizar politicamente para coibir abusos, então não há nada que salve mesmo, mesmo que esse povo viva numa democracia plena.
Por que especificamente apenas em monarquia absolutista e regimes assemelhados? A CIA, etc, não fazia isso antes em países onde as potências ocidentais (mais especificamente os EUA) tinham ditaduras satélites, e hoje não seria diferente? Já noticiaram que governos como do Bolsonaro, uns do Oriente Médio, etc, já usaram isso pra vigiar opositores.
Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 19:20 pm
Agnoscetico escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 17:27 pm
Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 00:20 am

Ademais, também existe a tecnologia de contraespionagem…“Anistia Internacional desenvolve software contra espionagem”:

https://www.tudocelular.com/windows/not ... a-NSA.html
Essa publicação é de 2014. Então não sei se essa tecnologia foi atualizada e serve no caso do Pegasus.
Serve sim, pois o Pegasus não é invulnerável a softwares antispyware. O próprio Tecmundo noticiou que já desenvolveram um software próprio para encontrar vestígios do Pegasus: https://www.tecmundo.com.br/seguranca/2 ... pyware.htm
Mas falei pelo caso do Pegasus ser mais recente do que o que foi informado no artigo de 2014, pois talvez ainda não tivessem inventado uma proteção pra esse novo spyware.
Editado pela última vez por Agnoscetico em Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 20:25 pm, em um total de 1 vez.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Agnoscetico escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 19:34 pm
Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 18:49 pm
Agnoscetico escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 13:58 pm
Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 00:20 am
Eu já estava coçando meus dedos para por esse vídeo acima. Porém, há uma faca de dois gumes aí.
Sempre foi. Acaba sendo um mal-necessário, mas como não se sabe as intenções de quem criou e manipula, fica a dúvida: "Quem vigia os vigilantes?"
Essa pergunta só faz sentido numa monarquia absolutista. Num regime político descentralizado, diversos poderes públicos são independentes e com capacidade de se vigiar mutuamente. Agora, se o povo não se mobilizar politicamente para coibir abusos, então não há nada que salve mesmo, mesmo que esse povo viva numa democracia plena.
Por que especificamente apenas em monarquia absolutista? A CIA, etc, não fazia isso antes em países onde as potências ocidentais (mais especificamente os EUA) tinham ditaduras satélites, e hoje não seria diferente? Já noticiaram que governos como do Bolsonaro, uns do Oriente Médio, etc, já usaram isso pra vigiar opositores.
Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 19:20 pm
Agnoscetico escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 17:27 pm
Huxley escreveu:
Seg, 26 26America/Sao_Paulo Julho 26America/Sao_Paulo 2021 - 00:20 am

Ademais, também existe a tecnologia de contraespionagem…“Anistia Internacional desenvolve software contra espionagem”:

https://www.tudocelular.com/windows/not ... a-NSA.html
Essa publicação é de 2014. Então não sei se essa tecnologia foi atualizada e serve no caso do Pegasus.
Serve sim, pois o Pegasus não é invulnerável a softwares antispyware. O próprio Tecmundo noticiou que já desenvolveram um software próprio para encontrar vestígios do Pegasus: https://www.tecmundo.com.br/seguranca/2 ... pyware.htm
Mas falei pelo caso do Pegasus ser mais recente do que o que foi informado no artigo de 2014, pois talvez ainda não tivessem inventado uma proteção pra esse novo spyware.
1- Já corrigi o post antes de sua resposta aí acima. Não existe ausência de vigilância dos vigilantes no exato oposto dos regimes autocráticos. E insuficiência dessa vigilância dentro desse contexto é complacência do povo com a ordem vigente.

2- Não é novidade surgir um spyware que seja bom em se esconder, o que seria novidade seria o surgimento de um spyware invulnerável a antispyware. O Pegasus já causa estragos a pelo menos meia década, o que te faz pensar que a tecnologia de software de contraespionagem não evoluiria com a aparição dele?

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Pedro Reis escreveu:
Qua, 21 21America/Sao_Paulo Abril 21America/Sao_Paulo 2021 - 23:48 pm
Para eles é perfeito. Ninguém mais pode gravar político recebendo propina.

Isso mostra o nível de comprometimento do senado e congresso.

Mas o STF não vai permitir.
Pois é, um dia um caso desses chega ao STF e tem advogado criminalista apostando no entendimento da jurisprudência do mesmo:

https://www.uol.com.br/universa/noticia ... j-ivis.htm

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

fenrir
Mensagens: 408
Registrado em: Qui, 19 19America/Sao_Paulo Março 19America/Sao_Paulo 2020 - 21:59 pm

Mensagem por fenrir »

É só criarem um drone com tamanho e formato de uma mosca ou menor e qualquer um puder comprar
Ai acaba a privacidade de vez

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Fernando Silva
Conselheiro
Mensagens: 2580
Registrado em: Ter, 11 11America/Sao_Paulo Fevereiro 11America/Sao_Paulo 2020 - 08:20 am

Mensagem por Fernando Silva »

fenrir escreveu:
Ter, 03 03America/Sao_Paulo Agosto 03America/Sao_Paulo 2021 - 07:43 am
É só criarem um drone com tamanho e formato de uma mosca ou menor e qualquer um puder comprar
Ai acaba a privacidade de vez
Já se fala em ataques com nuvens de drones carregados de explosivos.
Muitos serão derrubados, mas o resto vai conseguir chegar ao alvo e explodir.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Avatar do usuário
Agnoscetico
Mensagens: 1699
Registrado em: Sáb, 21 21America/Sao_Paulo Março 21America/Sao_Paulo 2020 - 11:46 am

Mensagem por Agnoscetico »

fenrir escreveu:
Ter, 03 03America/Sao_Paulo Agosto 03America/Sao_Paulo 2021 - 07:43 am
É só criarem um drone com tamanho e formato de uma mosca ou menor e qualquer um puder comprar
Ai acaba a privacidade de vez
Já tive essa idéia também. Provavelmente alguém já pensou antes. E se o desenvolvimento disso já tiver sendo viável na questão de energia (bateria, moto-contínuo, etc), mobilidade (se é fácil de controlar remotamente em ambientes com ventania, etc), etc, já pode ta circulando por aí sem muita gente saber.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

fenrir escreveu:
Ter, 03 03America/Sao_Paulo Agosto 03America/Sao_Paulo 2021 - 07:43 am
É só criarem um drone com tamanho e formato de uma mosca ou menor e qualquer um puder comprar
Ai acaba a privacidade de vez
Já existe detector de escuta e de câmera espiã disponível no mercado. Além disso, drones também podem ser usados na contraespionagem.

Como sempre, a estratégia para se proteger será não estar um passo atrás do inimigo em tecnologia.

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

Re: Tecnologia de espionagem pode tornar nosso ambiente menos inseguro?

Huxley
Mensagens: 1021
Registrado em: Sáb, 07 07America/Sao_Paulo Março 07America/Sao_Paulo 2020 - 20:48 pm

Mensagem por Huxley »

“Apple libera correção para brecha de segurança usada por software de espionagem Pegasus

Vulnerabilidade era do tipo 'zero clique', que não exige ação do usuário. Atualização para iPhones, iPads, Apple Watches e Macs já está disponível; veja como fazer.”:
https://g1.globo.com/economia/tecnologi ... asus.ghtml
Responder